Protetorado Francês do Camboja

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
កម្ពុជាសម័យអាណានិគម
Protectorat du Cambodge
Protetorado do Camboja
1863 – 1887/1953 Flag of Colonial Annam.svg

Bandeira de Camboja

Bandeira

Localização de Camboja
Continente Ásia
Região Sudeste Asiático
Capital Odong
Phnom Penh
Língua oficial francês
Khmer
Religião Teravada 70% (cambojano)
Igreja Católica 30% (francês)
Governo Monarquia, Protetorado da França
Rei
 • 1860-1904 Norodom
Período histórico Neo-Imperialismo
 • 1863 Estabelecimento do Protetorado
 • 1887/1953 Incorporação a União da Indochina
 • {{{ano_evento_posterior}}} Independência


O Protetorado Francês do Camboja foi um regime político no Camboja a partir de 1863, quando a França (na época do Segundo Império Francês), estabeleceu sua “proteção” ao Reino Cambojano, anteriormente um Estado vassalo de Sião (Tailândia). Em 1863, o Camboja sob o rei Norodom tornou-se um protetorado da França. Em outubro de 1887, os franceses anunciaram a formação da Union Indochinoise (União da Indochina), que na época era composta por Camboja, possessão francesa já autónoma, e as três regiões do Vietnã (Tonquim, Annam e Cochinchina). Em 1893, o Laos foi anexado depois que os franceses ameaçaram o Rei Chulalongkorn de Sião com guerra, forçando-o a abandonar o território.

Integrou em 1887 a Indochina francesa durante a criação desta última, o Camboja, em 1946, atingiu o estatuto de Estado associado da União Francesa. Em novembro de 1949, o protetorado foi oficialmente abolido, mas o Camboja continuou em grande parte sob a influência francesa no seio da Federação da Indochina, até a proclamação da independência, em 1953, reafirmada o ano seguinte pelos Acordos de Genebra.