Psicologia fisiológica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Psicologia Fisiológica é a divisão da Psicologia que estuda os mecanismos neurais do comportamento por meio da manipulação direta do cérebro em experimentos controlados - métodos cirúrgicos e elétricos de manipulação cerebral são mais comuns. Os sujeitos da pesquisa em psicologia fisiológica quase sempre são animais de laboratório. Isso porque o foco na manipulação direta do cérebro e de experimentos controlados impede o uso de sujeitos humanos na maioria dos casos. Também há uma tradição de pesquisa pura na psicologia fisiológica; a ênfase está em pesquisas que contribuam para o desenvolvimento de teorias do controle neural do comportamento em vez de pesquisas que apontem para algum benefício prático imediato

A psicologia fisiológica é por vezes relacionada com a psiquiatria e pode mesmo transformar-se no ramo que contém a psiquiatria. Este termo não é universalmente aceite como gíria oficial, mas o conceito que lhe está subjacente é bastante claro e unifica várias áreas de pesquisa anteriormente semelhantes.

Ícone de esboço Este artigo sobre psicologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.