Psycho Killer

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"Psycho Killer"
Single de Talking Heads
do álbum Talking Heads: 77
Lado B Psycho Killer (Versão acústica)
Lançamento Estados Unidos 1977
Formato(s) Vinil compacto
Gravação 1977
Gênero(s) New wave
Duração 4:20
Gravadora(s) Sire Records
Composição David Byrne, Chris Frantz e Tina Weymouth
Produção Lance Quinn, Talking Heads e Tony Bongiovi
Cronologia de singles de Talking Heads
Último
Último
"Uh-Oh, Love Comes to Town"
(1977)
"Pulled Up"
(1977)
Próximo
Próximo

"Psycho Killer" é uma música da banda de rock Talking Heads, do álbum Talking Heads: 77 de 1977.

Sobre a música[editar | editar código-fonte]

Bill Janovitz, crítico do Allmusic, diz: "De alguma forma, David Byrne ficou assustadoramente convincente fazendo o papel de um estranho perturbado. A narrativa de Byrne entoa sinistros avisos, acompanhados por um ritmo insistente e uma memorável linha de contra-baixo por Tina Weymouth.[1]

Parte do refrão e a ponte são cantadas em francês. A frase "Qu'est-ce que c'est?" significa "O que é isso?". A ponte tem o seguinte significado:

Ce que j'ai fait, ce soir-là (O que eu fiz naquela noite)
Ce qu'elle-à dit, ce soir-là (O que ela disse naquela noite)
Réalisant mon espoir (Consciente das minhas esperanças)
Je me lance vers la gloire, okay (Eu me atiro em direção a glória, OK)

A parte do "Fa Fa Fa Fa" vêm da música "Fa-Fa-Fa-Fa-Fa (Sad Song)", do cantor de soul Otis Redding. A música soul foi uma influência para o Talking Heads.[2]

Faixas do Single[editar | editar código-fonte]

N.º Título Compositor(es) Duração
1. "Psycho Killer"   David Byrne, Chris Frantz e Tina Weymouth[1] 4:20
2. "Psycho Killer (Versão acústica)"   David Byrne, Chris Frantz e Tina Weymouth 4:20

Recepção e crítica[editar | editar código-fonte]

A música alcançou o 92º lugar na Billboard Hot 100, passando 5 semanas no chart.[3] Na Holanda, "Psycho Killer" chegou ao 13º lugar.[4]

Presença na Mídia[editar | editar código-fonte]

"Psycho Killer" aparece na trilha sonora dos filmes Julie & Julia, Behind the Mask: The Rise of Leslie Vernon e Summer of Sam, entre outros. A música também é presente nos seriados Heroes (Episódio "Chapter Three "Building 26""), Os Simpsons (Episódio "Treehouse of Horror XIX") e Shameless.[5] É uma das faixas interativas do vídeogame Rock Band 2. A música também faz parte do episódio Because the Night, da série The Vampire Diaries.

Outras versões[editar | editar código-fonte]

"Psycho Killer" foi interpretada por Barenaked Ladies e Velvet Revolver, entre outros.[6] A banda Tom Tom Club, formada pelos ex-integrantes do Talking Heads Tina Weymouth e Chris Frantz, toca a música em apresentações ao vivo, com Tina nos vocais.[2]

Referências

  1. a b Psycho Killer > Song Review - Allmusic (em Inglês) Allmusic.com. Visitado em 24 Julho 2011.
  2. a b "Psycho Killer" em Songfacts.com (em Inglês) Songfacts.com. Visitado em 24 Julho 2011.
  3. Talking Heads Chart History na Billboard (em Inglês) Billboard.com. Visitado em 24 Julho 2011.
  4. Dutch Charts: Talking Heads - Psycho Killer (em Holândes) Dutchcharts.nl. Visitado em 9 de agosto de 2012.
  5. IMDB - "Psycho Killer" em Trilhas Sonoras (em Inglês) IMDB.com. Visitado em 24 Julho 2011.
  6. "Psycho Killer" em WhoSampled.com (em Inglês) WhoSampled.com. Visitado em 24 Julho 2011.