Puma GTB

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Puma GTB
Visão Geral
Nomes
alternativos
GTB
Produção 19761987
Fabricante Puma Veículos e Motores Ltda
Modelo
Classe Esportivo
Carroceria Fibra de vidro, Coupé
Ficha técnica
Motor Chevrolet 250S 4.1L, 6 cilindros
Transmissão 4 marchas
Layout 4 lugares, motor dianteiro, tração traseira
Modelos relacionados Chevrolet Opala
Santa Matilde
Dimensões
Comprimento 4300mm
Entre-eixos 2380
Largura 1740mm
Altura 1260mm
Peso 1215 kg
Cronologia
Último
Último
Puma GTO
Puma AMV 4.1
Próximo
Próximo

Puma GTB é um automóvel esportivo apresentado pela Puma no Salão do Automóvel em 1973 com o nome de Puma GTO. Sua comercialização oficial é a partir de 1974, como Puma GTB (sigla para Gran Turismo Brasil).

Em 1979 foi apresentado o modelo reestilizado rebatizado para GTB/S2 (sigla para Série 2) e posteriormente foram lançadas as versão S3 (esta similar ao S2, porém com motor 4 ou 6 cilindros, ambos à álcool) e S4 (equipada com um turbocompressor). Estas últimas duas versões são extremamente raras de serem encontradas.

Em 1987 a Puma foi vendida para a Araucária Veículos de Curitiba, que fabricou 30 unidades da GTB S2 com o logotipo ASA (Araucária Sociedade Anônima).

Em 1988 foi novamente vendida agora para a Alfa Metais Veículos também de Curitiba, que re-estilizou o modelo e o relançou com o nome de AMV 4.1. Foram fabricados até o ano de 1991, quando encerraram a produção dos carros com plataforma GM 6 cil.

Seu estilo é completamente diverso dos demais modelos da marca de até então. Apresenta maior porte e é dotado de motor de 6 cilindros produzido pela Chevrolet, em posição dianteira.

Conforme as características da marca a carroceria era produzida em fibra de vidro. Embora utilize mecânica GM, seu chassis (tubular) e sua suspensão traseira eram de fabricação própria.

Foi produzido nas Versões GTB, GTB/S2, GTB/S3 e GTB/S4.

Ficha Técnica – GTB 250-S[editar | editar código-fonte]

Desempenho[editar | editar código-fonte]

  • Velocidade máxima 190 km/h.

Motor (S1 e S2)[editar | editar código-fonte]

  • Motor de combustão interna, 4 tempos, longitudinal;
  • 6 cilindros em linha; comando no bloco, 2 válvulas por cilindro.
  • Cilindrada: 4.093 cm3.
  • Potência máxima (bruta): 171 cv a 4.800 rpm.
  • Torque máximo (bruto): 32,5 m.kgf a 2.600 rpm
  • Taxa de compressão: 7,8:1. Carburador de corpo duplo.

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Puma GTB
Ícone de esboço Este artigo sobre automóveis é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.