Pussycat Dolls

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pussycat Dolls
Pussycat Dolls em um concerto em 2008.
Informação geral
Origem Los Angeles, Califórnia
País  Estados Unidos
Gênero(s) Pop, eletrônica, R&B[1] , hip-hop[2]
Período em atividade 20032010
Gravadora(s) Universal Music
Afiliação(ões) Spice Girls, Christina Aguilera, Britney Spears [1]
Influência(s) Eartha Kitt, Labelle, Wendy & Lisa, Prince, Spice Girls, The Black Eyed Peas, Pharrell Williams[1]
Influenciado(s) Ladylike[1] Sexy Dolls
Página oficial [1]
Ex-integrantes Ashley Roberts
Jessica Sutta
Kimberly Wyatt
Melody Thornton
Nicole Scherzinger
Carmit Bachar

Pussycat Dolls foi um grupo musical feminino fundado pela coreógrafa Robin Antin.[3] Inicialmente criado como uma trupe burlesca, em 1995, na cidade de Los Angeles, Califórnia, o grupo atraiu a atenção nacional e Robin negociou um contrato com a gravadora Interscope Records em 2003, criando um grupo musical da trupe - que ainda existe.[4] Além de possuir diversas casas noturnas, em Las Vegas, o grupo é detentor de diversos reality shows, que são supervisionados por Robin Antin e seus parceiros. A formação original do conjunto consiste em: Nicole Scherzinger, líder do grupo, Carmit Bachar, Melody Thornton, Jessica Sutta, Kimberly Wyatt e Ashley Roberts.[3]

O primeiro single do grupo foi gravado em 2004, "Sway", produzido por Ron Fair, para a trilha sonora do filme Shall We Dance?[5] . A segunda canção de trabalho foi "Santa Baby", que foi lançada exclusivamente para o Natal[6] , que alcançou a nonagésima oitava posição da parada airplay estadunidense[7] . Em setembro de 2005, o grupo lança o seu álbum de estreia intitulado PCD. Apesar das críticas aos, quase exclusivos, vocais de Nicole Scherzinger, e a falta da presença das demais integrantes[8] , o álbum alcançou a quinta colocação na Billboard Hot 200[9] , e lançou grandes canções, como "Don't Cha" e "Buttons" - ganhador de uma certificação de ouro, no Brasil -, que alcançou a segunda[10] e terceira[11] posição da Hot 100, respectivamente. "Stickwitu", segundo single do álbum, foi indicado ao Grammy, na categoria de Melhor Performance Pop por um Duo ou Grupo com Vocais[12] . Em 2008, Carmit Bachar resolve abandonar o grupo para iniciar sua carreira solo[3] [13] , enquanto a gravadora anunciou que Nicole lançaria um álbum solo. Entretanto, depois de quatro singles, todos sem sucesso, o projeto foi abandonado[3] .

O segundo álbum do grupo foi lançado ainda em 2008. Doll Domination teve melhor desempenho que seu antecessor, ocupando a quarta posição da Hot 200, e tendo um bom desempenho em outras paradas ao redor do mundo, como na Rússia, onde ocupou o primeiro lugar[14] , enquanto em Portugal, o álbum chegou a vigéssima quinta posição[15] . No entanto, às críticas a presença de Nicole nos vocais principais ainda persistiram. A ponto de a allmusic disse que o álbum "parece de um cantor solo"[16] . Dele foram extraídos os hits "When I Grow Up" e "I Hate This Part", que pontuaram na nona e décima primeira posição da Billboard Hot 100, respectivamente. Ainda foram lançadas novas versões do álbum, contendo novas faixas, trazendo novos sucessos para o grupo, como "Jai Ho! (You Are My Destiny)" e "Hush Hush; Hush Hush", que atingiu a terceira posição na Hot 100 brasileira[17] .

Em 2009, Kimberly Wyatt criticou o "foco em Nicole", dizendo ser difícil lidar com essa situação[18] . No ano seguinte, quatro integrantes deixaram o grupo - Melody Thornton (que já havia expressado sua insatisfação durante uma apresentação do grupo), Ashley Roberts, Jessica Sutta e Kimberly -, restando, oficialmente, apenas Nicole. Em maio de 2010, a MTV estadunidense anunciou uma nova formação para o grupo, e uma promessa de um terceiro álbum para o final do ano[19] . Entretanto, Scherzinger decidiu abandonar o grupo para se dedicar inteiramente a sua carreira solo e declarou que "não gostaria de estar em um grupo com outras garotas". Tempos depois, em 21 de março de 2011, Robin Antin anunciou que estará realizando audições para a formação do novo grupo[20] . No final de janeiro, a nova formação foi anunciada[21] .

História[editar | editar código-fonte]

Trupe burlesca[editar | editar código-fonte]

1995–2002: Criação da trupe burlesca[editar | editar código-fonte]

Em 1990, Robin Antin, ao lado de Carla Kama[22] e da atriz Christina Applegate[23] , começou a explorar a ideia de ter uma trupe burlesca, sendo que essa ideia só foi consolidada cinco anos depois, em 1995. Durante esse período, a trupe teve diversos integrantes, apresentando-se com inúmeras cantoras convidadas, com um repertório padrão da música popular dos anos 50 e 60[23] . As integrantes vestiam lingeries e/ou se fantasiavam como pin-ups. As apresentações ocorreram nas noites de quinta-feira na "The Viper Room", uma discoteca de Los Angeles, entre 1995 e 2001[24] . A trupe foi destaque no longa metragem de Morgan Higby Night, intitulado Matters of Consequence, onde Robin Antin teve papel coadjuvante[25] .

O conjunto recebeu maior destaque da imprensa a partir de junho de 1999 quando, no mínimo sete integrantes (Kasey Campbell, Kiva Dawson, Antonietta Macri, Erica Breckels, Katie Bergold, Erica Gudis e Lindsley Allen), posaram semi-nuas para a revista Playboy. Três anos depois, o grupo mudou-se para a Roxy Theatre e, a partir dai, torna-se conhecido por aparições em revistas, especiais de televisão para a MTV e VH1, campanhas publicitárias e cinema. Algumas integrantes participaram do filme Charlie's Angels: Full Throttle, dançando "O Tema da Pantera cor de Rosa". Além disso, também participaram do videoclipe do single "Trouble", de P!nk[26] . Juntamente com Christina Applegate, Christina Aguilera e Carmen Electra que, muitas vezes desempenhava o papel de vocalista do grupo), a trupe foi destaque da revista Maxmen, lançada em 2002[27] .

Segundo Carmit Bachar, foi graças à Gwen Stefani que o Pussycat Dolls passou de grupo de dança burlesco para grupo musical[28] . Stefani chamou os chefes da gravadora para assistirem a uma apresentação do conjunto[29] . Eles adoraram e, então, assinaram um contrato com os produtores musicais Jimmy Lovine e Ron Fair. Então, o conjunto, agora, grupo de música pop tornaram-se funcionárias do selo de Lovine, a Interscope Records[30] . As integrantes do grupo continuaram a ser Robin Antin (que assumiu o setor criativo, funções e gestão), Carmit Bachar, Cyia Batten, Kasey Campbell, Ashley Roberts, Jessica Sutta e Kimberly Wyatt. Carmen Electra resolveu não acompanhar o grupo em sua nova fase, alegando que já havia feito parte do grupo por "mais de dois anos e fiz cada show com elas. Mas, financeiramente, eu não posso continuar com essa nova fase"[31] .

2005-Presente: Pussycat Dolls Lounge & Casino[editar | editar código-fonte]

Em abril de 2005, Robin Antin inaugurou o "Pussycat Dolls Lounge", com o objetivo de restaurar o grupo burlesco de 1995, realizando apresentações como antigamente[32] . O espaço para o espetáculo fica localizado ao lado da Pure, no Caesars Palace, e é coberto por mobiliário confortável, com uma decoração vermelha. Para alguns críticos, embora a apresentações seja consideravelmente leve, a "decoração interior sugere outra coisa"[33] . Alguns artistas já se apresentaram no "Lounge", como Paris Hilton, que comemorou seu 27º aniversário[34] , Tori Spelling, Eva Longoria, Pamela Anderson e Denise Richards, por exemplo[35] . O "Pussycat Dolls Cassino" foi inaugurada em 3 de março de 2007[36] , e fica localizado em frente ao "Lounge". É todo decorado com o logotipo do grupo e possui funcionárias e dançarinas vestidas originalmente como pin-ups e lingeries[35] .

Grupo musical[editar | editar código-fonte]

2003–06: Formação e álbum de estreia[editar | editar código-fonte]

Em 2003, Nicole Scherzinger, vencedora do reality show Popstars e ex-integrante do grupo Eden's Crush, foi convidada a liderar o grupo[37] [38] . Ainda neste ano, Melody Thornton integrou o grupo, que ainda contava com mais sete integrantes: Carmit Bachar[39] [40] , Kasey Campbell[40] [41] , Cyia Batten[40] , Kimberly Wyatt[39] , Ashley Roberts[42] , Jessica Sutta[43] e Kaya Jones[44] . No ano seguinte, o grupo gravou algumas canções para a trilha sonora dos filmes Shark Tale e Shall We Dance?. "Sway", presente na trilha sonora do último, tornou-se o primeiro single do grupo, contendo até um videoclipe inspirado do longa metragem[45] . Logo após isso, ainda em 2004, Jones resolveu sair do grupo para seguir carreira solo[44] , sendo que agora o grupo contava com sete garotas. No entanto, no início de 2005, mais duas integrantes abandonaram o grupo: Batten e Campbell, que seguiram carreira solo na dança. A formação do grupo, agora, consistia em um sexteto.

Em 13 de setembro de 2005, o conjunto lança seu álbum de estreia intitulado PCD[46] , que alcançou a quinta posição da Billboard Hot 200[9] , antes de vender mais de sete milhões de cópias em todo o mundo[47] . Os críticos musicais disseram que o álbum "é povoado de uma série de canções de dance-pop"[48] , e que as "suas canções são mais sexys do que o seu encarte"[49] . No entanto, o álbum também recebeu críticas negativas, como a de Stephen Thomas Erlewine, da allmusic: "A primeira página do encarte é bem clara: 'Todos os vocais principais e de fundo percentem à Nicole Scherzinger' (...) não havendo pretensão das demais garotas estarem no vocais principais das canções"[8] . A primeira canção de trabalho, oficial, do grupo foi "Don't Cha", que conta com a participação do rapper Busta Rhymes. Tornou-se um grande hit do conjunto, chegando ao topo das paradas musicais em dez países[50] [51] . "Stickwitu", segundo single lançado pelo grupo, alcançou a quinta posição na parada estadunidense[52] , britânica[53] e neozelandês[54] . A canção foi indicada ao Grammy na categoria Melhor Performance por um Grupo com Vocal[12] . Em janeiro de 2006, o grupo lança "Beep", com a colaboração de will.i.am. A canção teve bom desempenho comercial, chegado ao topo da Ultratop 50 Flanders, na Bélgica, e na principal parada musical da Nova Zelândia[55] . "Buttons", quarta canção do álbum lançada como single pelo conjunto, possui a participação do rapper Snoop Dogg atingiu o pico das paradas em três paradas musicais[56] [57] , e ficou entre as dez mais pedidas em doze países[56] [58] . No Brasil, a canção recebeu certificação de ouro[59] . O compacto simples "I Don't Need a Man", foi lançado em setembro, do mesmo ano, e teve desempenho inferior, em relação ao seu antecessor, mas, ficou entre as dez mais em oito países. Dois meses depois, "Wait a Minute", última música de trabalho do grupo, extraído de PCD, foi lançado. A canção conta com a participação do produtor musical Timbaland, e foi a terceira canção mais tocada na Finlândia[60] . O grupo ainda gravou a música tema de abertura dos jogos da National Basketball Association na televisão, transmitidos pela ABC. "Right Now", que está presente na lista de faixas do álbum PCD, recebeu adaptação e foi executada, dentro e fora dos estádios, durante os intervalos comercial e transmissões dos jogos[61] .

O grupo foi responsável pelo espetáculo de abertura da turnê "Honda Civic Tour", do Black Eyed Peas, na América do Norte, em 2006[62] . Em novembro do mesmo ano o Pussycat Dolls entrou em turnê internacional do álbum, fazendo apresentação de abertura ao lado de Rihanna, no Reino Unido[63] . No ano seguinte, ao lado do Danity Kane e NLT, se apresentaram na "Back to Basics Tour"[64] . Um apresentação do grupo, em Manchester Evening News Arena, foi gravada e posteriomente transmitida pelo Control Room!, da MSN Music, em seu site e no da Interscope Records[65] .

2007–08: Pausa e Pussycat Dolls Present[editar | editar código-fonte]

Em 5 de março de 2007, o jornal estadunidense The New York Times noticiou que o Pussycat Dolls estrearia um reality show na CW, sob a produção de McG[66] . Intitulado de Pussycat Dolls Present: The Search For the Next Doll, a primeira temporada, tinha o objetivo de procurar uma nova integrante para o grupo, sendo que a vencedora foi Asia Nitollano, que anunciou, posteriormente, que preferiu seguir carreira solo[67] .

A segunda temporada foi transmitida em fevereiro de 2008, e foi intitulada Pussycat Dolls Present: Girlicious. Diferente da primeira temporada, agora, os produtores buscavam integrantes para compor um novo grupo musical chamado "Girlicious"[68] . Composto por Nichole Cordova, Tiffanie Anderson, Chrystina Sayers e Natalie Mejia, o grupo lançou seu primeiro álbum, homônimo, no ano seguinte, com influências do hip-hop e estilo musical urbano contemporâneo, as Girlicious conquistaram grande público no Canadá[69] e no Brasil.

Enquanto o Pussycat Dolls estava de férias, Nicole Scherzinger, deu início a produção de seu primeiro álbum solo, até então, intitulado Her Name Is Nicole[70] . Depois do lançamento de quatro singles, sendo que nenhum desses correspondeu comercialmente, o lançamento do projeto foi previsto para o final de 2007 e, depois, para outubro de 2008[71] , até ser arquivado no mesmo ano, quando algumas canções apareceram no segundo álbum do grupo, Doll Domination[72] [73] . Pouco tempo antes do anúncio do segundo projeto do grupo, Carmit Bachar, anunciou que estava deixando o Pussycat Dolls, para seguir outros projetos[74] . A primeira apresentação, sem a participação de Bachar, ocorreu em 12 de abril de 2008, na "Operação MySpace", para as tropas estadunidenses no Kuwait[75] .

2008–10: Doll Domination e fim da segunda formação[editar | editar código-fonte]

Em 27 de maio de 2008, o grupo lança "When I Grow Up"[76] , que teve excelente recepção, recebendo certificado de platina e de ouro na Austrália[77] e Nova Zelândia[78] , respectivamente, além de alcançar a primeira posição na "Hot Dance Club Songs", nos Estados Unidos[79] , e ficar entre os dez mais em dezesseis países[80] . Próximo ao lançamento do álbum, a gravadora disponibiliza "Whatcha Think About That", em 9 de setembro[81] . A canção conta com a participação da rapper Missy Elliott, e ocupou a nona posição no Reino Unido[82] . Em 19 de setembro, o grupo lança Doll Domination, segundo álbum de estúdio, ganhador de cinco certificações de platina e cinco de ouro. Alcançou a primeira posição nas paradas russas e tailandesas, e a vigéssima quinta em Portugal[83] , além de ficar entre os dez mais em oito países[83] [84] . A allmusic, disse que o álbum "é uma vitrine para Nicole", e que é "melhor ouvir pin-ups cantar músicas de striptease, do que canções de amor"[85] , ao passo que o The New York Times critica os créditos do álbum: "todos os vocais principais, e de apoio, pertencem à Nicole Scherzinger", enquanto as demais integrantes "fornecem vocais 'adicionais'"[86] . Mesmo assim, o projeto vendeu cerca de 79 mil cópias, apenas na primeira semana de lançamento, fazendo com que o álbum estreiasse na quarta posição da Hot 200[84] . A versão de luxo do álbum - também conhecida como deluxe -, contém uma faixa solo de cada integrante do grupo. O projeto ainda gerou mais dois singles: "Bottle Pop" e "I Hate This Part", que tornou-se um grande hit, alcançando a terceira posição da Billboard Brasil Hot 100 Airplay[17] e, ficando entre os dez mais em quinze paradas musicais, em todo o mundo. Além de quatro certificações de ouro[59] [87] [88] [89] e uma de platina[90] .

As meninas entraram em turnê mundial em janeiro de 2009. Tendo os espetáculos abertos por Lady Gaga, o grupo viajou pela Europa e Austrália[91] , enquanto Ne-Yo, realizou a abertura das apresentações no Reino Unido[92] . Na América do Norte, as Pussycat Dolls, realizaram o espetáculo de abertura da turnê de Britney Spears, "The Circus Starring Britney Spears"[93] . Em abril do mesmo ano, Nicole Scherzinger disse à Billboard que o álbum seria relançado para dar às pessoas uma chance de obter mais músicas[94] . Na Austrália, a coletânea Doll Domination 2.0, foi lançada com seis canções originais do álbum original, e com quatro canções ineditas. O Reino Unido recebeu um EP intitulado Doll Domination: The Mini Collection, lançada em 27 de abril de 2009, contendo quatro canções originais, um remix e uma música inedita[95] . Em agosto do mesmo ano, o grupo lançou o Doll Domination 3.0, álbum que incluia toda as faixas dos lançamentos anteriores, tanto originais do álbum principal, quanto ineditas[96] . Porém, seu lançamento ficou limitado à Europa, onde o grupo já havia conquistado boas posições nas paradas. Esses lançamentos geraram dois singles, sendo esses "Jai Ho! (You Are My Destiny)", presente na trilha sonora de Slumdog Millionaire, e um remix europop de "Hush Hush", lançado como "Hush Hush; Hush Hush", que conquistou boas posições nas paradas de todo o mundo[97] . Após, Nicole Scherzinger ter excessiva ênfase, sendo, anunciado que as faixas contariam com "a participação especial" da mesma[97] , houve várias explosões aos meios de comunicação, incluindo a de Melody Thornton, durante a turnê do grupo nos Estados Unidos[98] .

Em 29 de janeiro de 2010, Jessica Sutta revelou à E! Online que havia sido expulsa do grupo, após ter quebrado uma costela, durante a turnê do grupo. Dias depois, em 26 de fevereiro, Kimberly Wyatt, confirmou que também havia deixado o "Pussycat Dolls", em entrevista à revista inglesa Loaded[99] . A ex-integrante revelou que deseja que fosse "diferente, pois, eu amo o que fazemos no palco, eu amo ser uma Doll"[100] . Um dia depois, Ashley Roberts, anunciou sua saída do grupo através de seu site. Ela disse "Sim, eu deixei as Pussycat Dolls. Eu amo todas vocês e sou muito grata pelo amor e apoio de todos vocês. Foi um momento incrível e eu aprendi muito!"[99] . Posteriormente, Wyatt confirmou que todas as integrantes deixaram o grupo, incluindo Melody Thornton. No final de 2010, Nicole, oficialmente, anunciou que também deixou o grupo, para seguir carreira solo[101] .

2011–2013: Reformulação, Dissolução e Grupo Spin-Off[editar | editar código-fonte]

Em março de 2011, Robin Antin, confirmou que faria audições para encontrar novas integrantes para o grupo, a fim de substituir a antiga formação. Em 16 de setembro de 2011, foi anunciado que havia um reality show para isso, sendo que Kim Kardashian e Nigel Lythgoe, seriam produtores executivos[102] .

No mês seguinte, em 29 de outubro, uma imagem oficial foi divulgada, revelando as seis novas integrantes do Pussycat Dolls. Anteriormente, rumores sobre a nova formação vazou, sendo que esta era composta por Lauren Bennett, Vanessa Curry, Kristal "Lyndriette" Smith, Tiffany "Taz" Zavala, Kia Hampton e Paula Van Oppen[103] [104] . Posteriormente, Robin Antin, anunciou que essa formação não era a que substituiria o antigo grupo, dizendo ainda, que o grupo pode não consistir em seis integrantes, como a formação original, mas, em cinco[105] .

Em entrevista à Billboard, no tapete vermelho do "American Music Award", Lauren Bennett, confirmou que uma parte do recém-formado grupo estava regravando algumas canções. "Neste momento, estamos tentando descobrir quem está no grupo e estamos trabalhando em um álbum", conta Bennett[106] . Em 30 de janeiro de 2012, a nova formação foi anunciada. Ao lado de Bennett, estarão Natalie Mejia, cantora original do Girlicious, Paula Van Oppen, que veio do reality show So You Think You Can Dance, Natasha Slayton, cantora, atriz, escritora e bailarina e Amanda Branche, atriz, modelo, rapper e bailarina.[21] . O novo Pussycat Dolls estreou em 5 de fevereiro de 2012, durante o Super Bowl, como parte do comercial anual da Go Daddy, junto de Danica Patrick. "O visual do comercial não é, necessariamente, o novo visual do grupo", disse Robin Antin, e acrescenta, "É de tirar o fôlego. É divertido, é ao mesmo tempo exagerado e sexy. É tudo isso, mas novamente, o que estamos fazendo por esta nova vida do Pussycat Dolls, as garotas são todas jovens. É uma nova e jovem energia." [107] Uma foto oficial do comercial, mostrou cinco membros: Lauren Bennett do Paradiso Girls, Paula van Oppen (do So You Think You Can Dance e do show burlesco do PCD), a ex-cheerleader dos Lakers Vanessa Curry, Chrystina Sayers do Girlicious, e a cheerleader do Dallas Cowboys Erica Jenkins.[108] [109]

Antin também disse à MTV que estavam trabalhando em sua próxima série de TV. "Estamos desenvolvendo um reality show com Kim Kardashian como produtora executiva e Nigel Lythgoe. "O motor de todos os projetos do Pussycat Dolls é a base de gravação, e agora com um novo grupo de gravação, fez sentido se concentrar no lançamento deste novo grupo e como este motor abre todas as portas para todas as coisas diferentes que eu estou fazendo que fazem parte da marca. Essas garotas são a próxima geração.", ela afirmou.[110] Em 13 de abril de 2012 foi anunciado que Chrystina Sayers não fazia mais parte da nova line-up.[111] Em julho de 2012, o line-up foi anunciado consistindo de Bennett e van Oppen, com as novas membros Natalie Mejia (do Girlicious), Amanda Branche, e Natasha Slayton.[112] em agosto de 2012 fotos publicitárias mostraram um "novo" line-up com Simone Battle susbtituindo Branche. Em novembro de 2012 foi revelado através da contratação de Emmalyn Estrada, que Mejia não fazia mais parte do grupo.[113] Em 1 de dezembro de 2012, Mejia revelou que estava à espera de seu primeiro filho e devido a sua situação fez a escolha de não continuar como parte do Pussycat Dolls.[114] Em fevereiro de 2013, Robin Antin anunciou que a nova line-up não vai continuar como Pussycat Dolls, mas em vez disso vai estrear como um novo grupo com um nome diferente. Ela também afirmou que os ex-membros da banda pensam em uma reunião, mas deveriam ver "como as coisas funcionam" primeiro, e insistiu que uma possível reunião era "possível", mas de nenhuma maneira definitiva.

Em junho de 2013, o novo grupo G.R.L lançou seu primeiro single "Vacation"; o line up é Lauren Bennett, Paula van Oppen, Natasha Slayton, Simone Battle e Emmalyn Estrada. A música deve aparecer na trilha sono de The Smurfs 2.

Outros trabalhos[editar | editar código-fonte]

Em 2007, a Interscope Records formou um grupo similar ao Pussycat Dolls, em Londres, o Paradiso Girls, através de audições. O grupo era formado por Aria Cascaval e Lauren Bennett - responsáveis pelos vocais principais -, a rapper Shar Mae Amor e a DJ Kelly Beckett. Antin e Ron Fair, escolheram Chelsea Korka, finalista do Pussycat Dolls Present: The Search For the Next Doll, para integrar a banda, sendo a terceira vocalista e finalizando a formação. Após o lançamento de dois single, "Patron Tequila, que conta com a participação de Lil Jon e Eve, e "Who's My Bitch", fora anunciado que Bennett compunha, agora, o Pussycat Dolls, enquanto não se tem notícias sobre o rumo do outro grupo. As Pussycat Dolls, regravaram "Don't Cha", em simlish, para o jogo The Sims 2: Pets. Em novembro de 2006, o grupo apareceu como personagem do jogo Asphalt: Urban GT 2.

Mercadorias[editar | editar código-fonte]

A fabricante de brinquedos Hasbro, fechou um acordo com a Interscope, em 2006, com o objetivo de comercializar bonecas baseadas no Pussycat Dolls, voltadas para crianças de 6 à 9 anos de idade[115] . No entanto, os grupos Dads and Daughters e Campaign for a Commercial-Free Childhood, pressionou a empresa, pois, segundo os grupos, as Pussycat Dolls teriam conteúdo inadequado para crianças, devido à natureza sexual de suas canções, videoclipes e apresentações ao vivo[116] [117] . Ainda foi fechado um acordo com a Estée Lauder, para fabricação de uma linha de cosméticos com a marca do grupo[118] .

Em 2008, Robin Antin e a La Senza produziram uma linha de lingerie chamadas "Shhh...by Robin Antin"[119] . Em 15 de dezembro de 2009, Antin lançou o DVD Robin Antin's Pussycat Dolls Workout, que conta com a participação de Chrystina Sayers, ex-membro do Girlicious, e Nicole Scherzinger[120] [121] .

Problemas & controvérsias[editar | editar código-fonte]

Em 2006, o grupo enfrentou problemas com as autoridades de Kuala Lumpur, capital da Malásia. Essas criticaram o Pussycat Dolls, devido ao vestuário, canções e danças sexualmente explícitas, dizendo que o grupo é culpado por "se comportou de maneira grosseiramente indecente no palco"[122] . As apresentações faziam parte da turnê do álbum PCD, e a "Absolute Entertainment", empresa responsável pela apresentação do grupo na região, foi multado em USD 3 000 dólares pel incidente[123] .

Margeaux Watson, da Entertainment Weekly, criticou o grupo, logo que Doll Domination foi lançado, devido a excessiva presença de Nicole Scherzinger. Watson disse que "existem dois tipos de grupos femininos: aqueles liderados por superstars (como a Destiny's Child, The Supremes), e aqueles feito por pessoas carismáticas (como as Spice Girls, TLC). As Pussycat Dolls não são nem um, nem outro - elas são uma marca, não uma banda", questionando se você "sabe o nome das demais integrantes? Você sabe quantas são?"[124] .

Discografia[editar | editar código-fonte]

Turnês[editar | editar código-fonte]

Própria
Abertura

DVDs[editar | editar código-fonte]


Referências

  1. a b c d The Pussycat Dolls « AllMusic (em inglês) allmusic. Página visitada em 5 de julho de 2011.
  2. Grupo Pussycat Dolls perde duas integrantes - cultura - Estadao.com.br Estadão.com.br (2 de março de 2010). Página visitada em 10 de julho de 2011.
  3. a b c d Jeffries, David. The Pussycat Dolls « AllMusic (em inglês) allmusic. Página visitada em 10 de julho de 2011.
  4. herenb.com - What's up, Pussycat Doll? « victoria handysides - Breaking News, New Brunswick, Canada (em inglês) CanadaEast Interactive, Brunswick News Inc.. Página visitada em 10 de julho de 2011.
  5. Dança Comigo? (2004) - Trilha Sonora - Cineplayers Cineplayers Ltda.. Página visitada em 10 de julho de 2011.
  6. Decat, Erich (1 de abril de 2011). Sway - Pussycat Dolls - Ricardo Noblat: O Globo Blog do Noblat Infoglobo Comunicação e Participações S.A.. Página visitada em 10 de julho de 2011.
  7. The Pussycat Dolls - Santa Baby - Music Charts (em inglês) Acharts.us. Página visitada em 10 de julho de 2011.
  8. a b Erlewine, Stephen. PCD - The Pussycat Dolls « AllMusic (em inglês) AllMusic. Página visitada em 10 de julho de 2011.
  9. a b PCD - The Pussycat Dolls « Music News, Reviews, Articles, Information, News Online & Free Music « Billboard.com (em inglês) Billboard (1 de outobro de 2005). Página visitada em 10 de julho de 2011.
  10. Don't Cha - The Pussycat Dolls « Music News, Reviews, Articles, Information, News Online & Free Music « Billboard.com (em inglês) Billboard. Página visitada em 10 de julho de 2011.
  11. Buttons - The Pussycat Dolls « Music News, Reviews, Articles, Information, News Online & Free Music « Billboard.com (em inglês) Billboard. Página visitada em 10 de julho de 2011.
  12. a b Stickwitu - E! Online Brasil « E! Online Brasil E! Television Brasil (27 de janeiro de 2011). Página visitada em 10 de julho de 2011.
  13. Pussycat Dolls perde uma de suas integrantes - Cifra Club News Cifra Club (23 de agosto de 2008). Página visitada em 10 de julho de 2011.
  14. «2M» - Золотой и платиновый альбом в России - International 2008 (em russo). Página visitada em 10 de julho de 2011.
  15. portuguesecharts.com - The Pussycat Dolls - Doll Domination Hung Medien eMedia Jungen. Página visitada em 10 de julho de 2011.
  16. Erlewine, Stephen. Doll Domination - The Pussycat Dolls « AllMusic (em inglês) AllMusic. Página visitada em 10 de julho de 2011.
  17. a b Diário do Pará « "Billboard" brasileira chega às bancas Diário do Pará Folhapress (13 de outubro de 2009). Página visitada em 10 de julho de 2011.
  18. Integrante do Pussycat Dolls diz que o grupo terminou Terra Networks Brasil (1 de agosto de 2009). Página visitada em 10 de julho de 2011.
  19. Com Nicole Scherzinger, Pussycat Dolls anuncia nova formação - Terra - Música Terra Networks Brasil (25 de maio de 2010). Página visitada em 10 de julho de 2011.
  20. Pussycat Dolls : News : Calling All PCD's!!! (em inglês) Site oficial (21 de março de 2011). Página visitada em 10 de julho de 2011.
  21. a b EGO - Adeus, Nicole Scherzinger! Pussycat Dolls tem nova formação - notícias de Famosos EGO Globo.com (30 de janeiro de 2012). Página visitada em 1 de fevereiro de 2012.
  22. Carla Kama -- Choreographer (em inglês) October Girl Inc. (2004). Página visitada em 10 de julho de 2011.
  23. a b Weatherford, Mike (8 de abril de 2005). reviewjournal.com -- Neon: Beyond Burlesque (em inglês) Las Vegas Review-Journal. Página visitada em 10 de julho de 2011.
  24. Meyer, Michele. Pussycat Dolls - Videos, song clips, and pictures (em inglês) Yahoo! Inc.. Página visitada em 10 de julho de 2011.
  25. Matters of Consequence (1999) - IMDb (em inglês) IMDb. Página visitada em 10 de julho de 2011.
  26. Lamb, Bill. PussyCat Dolls (em inglês) About.com Guide.
  27. Dailymotion - The Pussycat Dolls photo shoot for Maxim - um vídeo do canal Sexy (vídeo) (em inglês) Dailymotion Maxmen. Página visitada em 10 de julho de 2011.
  28. Gibson, Cristiana; English, Whitney (15 de agosto de 2008). Pussycat Dolls Want a Piece of Gwen Stefani - E! Online (em inglês) E! Online. Página visitada em 10 de julho de 2011.
  29. Pussycat Dolls - Stefani Behind Pussycat Dolls Success - Contactmusic News (em inglês) Contactmusic.com Ltda. (15 de setembro de 2005). Página visitada em 10 de julho de 2011.
  30. pcdworld.co.uk - PCDWorld > Pussycat Dolls Biography > Group Biography (em inglês) pcdworld.co.uk. Página visitada em 10 de julho de 2011.
  31. Carmen Electra - Electra: 'I Couldn't Afford To Be A Pussycat Doll' - Contactmusic News (em inglês) Contactmusic.com Ltda. (4 de abril de 2006). Página visitada em 10 de julho de 2011.
  32. A cantora e atriz Jessica Simpson, 26 anos, foi destaque da festa de segundo aniversário do Pussycat Dolls Lounge - Terra - Gente & TV Terra Networks Brasil (5 de maio de 2007). Página visitada em 11 de julho de 2011.
  33. Pussycat Dolls Lounge Las Vegas Night Club and VIP Passes - Las Vegas Nightclubs « BestOfVegas.com (em inglês) BestOfVegas.com. Página visitada em 11 de julho de 2011.
  34. Com roupa de couro, Paris Hilton faz show sensual- Terra - Gente & TV Terra Networks Brasil (17 de fevereiro de 2008). Página visitada em 11 de julho de 2011.
  35. a b Pussycat Dolls Las Vegas (em inglês) Destination360. Página visitada em 11 de julho de 2011.
  36. Thompson, Terry (3 de março de 2007). The Pussycat Dolls Picture 9 - Pussycat Dolls Casino Opening at Ceasars Palace Hotel (em inglês) ACESHOWBIZ.com. Página visitada em 11 de julho de 2011.
  37. Harvey, Oliver (30 de agosto de 2008). Pussycat Doll Nicole Scherzinger says she's only '5 out of 10 for looks'! « The Sun « Features (em inglês) The Sun. Página visitada em 11 de julho de 2011.
  38. Alves, Marina (1 de março de 2010). 3x4: Saiba tudo sobre a líder do Pussycat Dolls, Nicole Scherzinger - Girls and Boys - Virgula Virgula. Página visitada em 11 de julho de 2011.
  39. a b Rihanna e Wyatt si sfidano in reggicalze. Le due cantanti fotografate con le stesse collant a Londra - gossip -Tgcom - pagina Tgcom (em italiano) TGcom (14 de novembro de 2011). Página visitada em 27 de novembro de 2011.
  40. a b c Pussycat Dolls (em inglês) Maxim.com Alpha Media Group Inc.. Página visitada em 12 de julho de 2011. "Kasey Campbell está na quinta, sexta e oitava imagem. Cyian Batten na sétima e nona"
  41. KASEY CAMPBELL....THE BOMBSHELLS...PUSSYCAT DOLLS (em inglês) Kasey Campbell. Página visitada em 12 de julho de 2011.
  42. Ferrari, Nathalia (1 de março de 2010). Pussycat Dolls: Depois de Kimberly, Ashley Roberts anuncia sua saida do grupo feminino - PortalPOPLine.com.br Portal PopLine. Página visitada em 11 de julho de 2011.
  43. Benjamin, Jeff (9 de novembro de 2011). 'Show Me' the No. 1: Former Pussycat Doll Jessica Sutta Tops Dance Chart : Billboard.com (em inglês) Billboard. Página visitada em 27 de novembro de 2011.
  44. a b Nan, Chen (25 de junho de 2011). What a doll! (em inglês) China Daily Information Co.. Página visitada em 11 de julho de 2011.
  45. 'Sway' Video by Pussycat Dolls - AOL Music (Vídeo) (em inglês) AOL Inc. Interscope Records. Página visitada em 12 de julho de 2011.
  46. The Pussycat Dolls - PCD MP3 music downloads - 7digital (em inglês) 7digital. Página visitada em 12 de julho de 2011.
  47. Lewis, Pete. PUSSYCAT DOLLS: HELLLO DOLLY (em inglês) Blues & Soul Online Magazine. Página visitada em 12 de julho de 2011.
  48. Lamb, Bill. PCD - Pussycat Dolls (em inglês) About.com Guide.
  49. Christgau, Robert. Robert Christgau: CG: The Pussycat Dolls (em inglês). Página visitada em 12 de julho de 2011.
  50. portuguesecharts.com - The Pussycat Dolls feat. Busta Rhymes - Don't Cha PortugueseCharts.com eMedia Jungen. Página visitada em 16 de julho de 2011.
  51. The Pussycat Dolls and Busta Rhymes - Don't Cha - Music Charts (em inglês) Acharts.us. Página visitada em 16 de julho de 2011.
  52. The Pussycat Dolls - Music News, Reviews, Articles, Information, News Online & Free Music « Billboard.com (em inglês) Billboard. Página visitada em 16 de julho de 2011.
  53. Chart Stats - Pussycat Dolls - Stickwitu (em inglês) Chatsstats.com. Página visitada em 16 de julho de 2011.
  54. Charts.org.nz – The Pussycat Dolls – Stickwitu (em inglês) Charts.org.nz eMedia Jungen. Página visitada em 16 de julho de 2011.
  55. ultratop.be - The Pussycat Dolls feat. will.i.am - Beep (em neerlandês) hitparade.ch. ULTRATOP & Hung Medien. Página visitada em 29 de julho de 2011.
  56. a b ultratop.be - The Pussycat Dolls feat. Snoop Dogg - Don't Cha (em neerlandês) hitparade.ch. ULTRATOP & Hung Medien. Página visitada em 29 de julho de 2011.
  57. Archívum - Slágerlisták - MAHASZ - Magyar Hanglemezkiadók Szövetsége (em húngaro) Mahasz. Página visitada em 29 de julho de 2011. "Rádiós Top 40. Procurar por 2006/12/11 - 2006/12/17; Nº 705"
  58. The Pussycat Dolls and Snoop Dogg - Buttons - Music Charts (em inglês) Acharts.us. Página visitada em 29 de julho de 2011.
  59. a b ABPD « Associação Brasileira de Produtores de Disco Associação Brasileira de Produtores de Disco. Página visitada em 29 de julho de 2011.
  60. finnishcharts.com - The Pussycat Dolls feat. Timbaland - Wait A Minute (em finlandês) eMedia Jungen Mitä hittiä. Página visitada em 29 de julho de 2011.
  61. For The Record: Quick News On Jessica, Pussycat Dolls, Harry Potter, Jadakiss, Styles P, Britney & More - Music, Celebrity, Artist News « MTV (em inglês) MTV (21 de dezembro de 2006). Página visitada em 29 de julho de 2011.
  62. Tecson, Brandee J. (31 de janeiro de 2006). Black Eyed Peas Unveil Dates For Headlining Trek, Tap Pussycat Dolls As Openers - Music, Celebrity, Artist News « MTV (em inglês) MTV. Página visitada em 29 de julho de 2011.
  63. IndieLondon: Pussycat Dolls and Rihanna join forces for UK tour - Your London Reviews (em inglês) IndieLondon.co.uk. Página visitada em 29 de julho de 2011.
  64. Vineyard, Jennifer (12 de outubro de 2006). Christina Aguilera's Heading Back On Tour For 41 North American Dates - Music, Celebrity, Artist News « MTV (em inglês) MTV. Página visitada em 29 de julho de 2011.
  65. Pussycat Dolls : Video : "Don't Cha" MSN Control Room: Live from Manchester, UK (Vídeo) (em inglês) Interscope Records MSN.
  66. Wyatt, Edward (5 de março de 2007). Pussycat Dolls Present: The Search for the Next Doll - TV - New York Times (em inglês) The New York Times. Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  67. Pussycat Dolls Present: Asia Nitollano Teaming up with Diddy (em inglês) BuddyTV (12 de agosto de 2007). Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  68. Levine, Nick (24 de julho de 2007). Pussycat Dolls to form girl group - Music News - Digital Spy (em inglês) Digital Spy. Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  69. Music Canada (CRIA): Gold & Platinum - January 2005 (em inglês) Music Canada (Janeiro de 2005). Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  70. Nicole Scherzinger Sets Release Date For "Her Name Is Nicole" « PopDirt.com (Vídeo) (em inglês) PopDirt.com (3 de agosto de 2007).
  71. Nicole Scherzinger Sets Release Date For ‘Her Name Is Nicole’ Solo Debut « PopDirt.com (Vídeo) (em inglês) PopDirt.com (3 de agosto de 2007).
  72. Nicole Scherzinger PCD Interview « Nicole Scherzinger « News « MTV UK (em inglês) MTV (18 de agosto de 2008). Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  73. Copsey, Robert (22 de setembro de 2010). Scherzinger: 'Solo LP will surprise' - Music News - Digital Spy (em inglês) Digital Spy. Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  74. Território da Música: Carmit Bachar deixa o grupo Pussycat Dolls Território da Música (3 de março de 2008). Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  75. Operation MySpace - Music News at IGN (em inglês) IGN (7 de março de 2008). Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  76. Pussycat Dolls : Releases : When I Grow Up (em inglês) Interscope Records. Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  77. ARIA Charts - Accreditations - 2008 Singles (em inglês) ARIA (31 de dezembro de 2008). Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  78. RIANZ (em inglês) RIANZ (10 de novemnbro de 2008). Página visitada em 1 de agosto de 2011. "Procurar por 'Chart #1642 - MONDAY 10 NOVEMBER 2008'"
  79. The Pussycat Dolls Album & song Chart History (em inglês) Billboard. Página visitada em 1 de agosto de 2011. "Se necessário, procurar por "Dance/Club Play Songs", na página do grupo, no site da Billboard. Além disso, pode procurar pelo histórico, a canção atingiu o topo da parada em 2 de agosto de 2008"
  80. The Pussycat Dolls - When I Grow Up - Music Charts (em inglês) Acharts.us. Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  81. R&B :: Going For Adds™ :: CHR/Top 40 (em inglês) Radio & Records, Inc. Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  82. Chart Stats - Pussycat Dolls - Whatcha Think About That (em inglês) UK Singles Chart. Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  83. a b portuguesecharts.com - The Pussycat Dolls - Doll Domination eMedia Jungen Hung Medien. Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  84. a b The Pussycat Dolls - Doll Domination - Music Charts (em inglês) Acharts.us. Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  85. Erlewine, Stephen. Doll Domination - The Pussycat Dolls « AllMusic (em inglês) allmusic.
  86. Pareles, Jon (21 de setembro de 2008). Critics’ Choice - New Releases From the Pussycat Dolls, DJ Khaled, Kings of Leon and Volcano! - Review - NYTimes.com (em inglês) The New York Times. Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  87. RIANZ (em inglês) RIANZ (26 de janeiro de 2009). Página visitada em 1 de agosto de 2011. "Procurar por 'Chart #1653 - MONDAY 10 NOVEMBER 2008'"
  88. ultratop.be - ULTRATOP BELGIAN CHARTS (em belga) ultratop.be. Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  89. ARIA Charts - Accreditations - 2009 Singles (em inglês) ARIA (31 de dezembro de 2009). Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  90. RIAA - Recording Industry Association of America (em inglês) Recording Industry Association of America. Página visitada em 1 de agosto de 2011.
  91. Vena, Jocelyn (13 de janeiro de 2009). Lady Gaga Gears Up For Pussycat Dolls Tour - Music, Celebrity, Artist News « MTV (em inglês) MTV. Página visitada em 11 de setembro de 2011.
  92. Pussycat Dolls « Pussycat Dolls And Special Guest Ne-Yo To Tour The Uk « Contactmusic (em inglês) Contactmusic.com (7 de outubro de 2008). Página visitada em 11 de setembro de 2011.
  93. Montgomery, James (3 de março de 2008). Pussycat Dolls Warm Up New Orleans Crowd For Britney Spears - Music, Celebrity, Artist News « MTV (em inglês) MTV. Página visitada em 11 de setembro de 2011.
  94. Graff, Gary (15 de agosto de 2009). Pussycat Doll Nicole Scherzinger Talks Solo Album, 'Domination 2.0' (em inglês) Billboard. Página visitada em 11 de setembro de 2011. "Esse artigo foi originalmente publicado no site oficial da revista estadunidense “Billboard”, no entando, por algum motivo desconhecido, o artigo não está mais disponível."
  95. Levine, Nick (29 de abril de 2009). Pussycat Dolls: "Doll Domination - The Mini Collection" - Music Album Review - Digital Spy (em inglês) Digital Spy. Página visitada em 26 de novembro de 2011.
  96. Doll Domination [Doll Domination 3.0 - The Pussycat Dolls « AllMusic] (em inglês) allmusic. Página visitada em 26 de novembro de 2011.
  97. a b The Pussycat Dolls and Nicole Scherzinger - Hush Hush Hush Hush - Music Charts (em inglês) Acharts.us. Página visitada em 26 de novembro de 2011.
  98. Ganz, Caryn (27 de abril de 2009). Pussycat Dolls Fight, Danity Kane Split: Bad Week for Girl Groups « Music News « Rolling Stone Rolling Stone. Página visitada em 26 de novembro de 2011.
  99. a b Vena, Jocelyn (1 de maio de 2010). Pussycat Dolls Kimberly Wyatt, Ashley Roberts Leave Group - Music, Celebrity, Artist News « MTV MTV. Página visitada em 26 de novembro de 2011.
  100. Glass, Katie. 26 de fevereiro de 2010 (em inglês) Associated Newspapers Ltd Daily Mail. Página visitada em 26 de novembro de 2011.
  101. Grupo não tem mais integrantes: Nicole Scherzinger anuncia sua saída do Pussycat Dolls - "Eu não quero estar num grupo com outras garotas. Éramos como uma família unida..." - PortalPOPline.com.br Portal PopLine.com.br (5 de dezembro de 2010). Página visitada em 26 de novembro de 2011.
  102. Kim K -- Calling the Shots for New "Pussycat Dolls" Show - TMZ.com (em inglês) TMZ.com EHM Productions, Inc. (16 de setembro de 2011). Página visitada em 27 de novembro de 2011.
  103. Hilton, Perez (27 de outubro de 2011). Título não preenchido, favor adicionar (em inglês). Página visitada em 27 de novembro de 2011.
  104. Calling All Toronto... Facebook (28 de setembro de 2011). Página visitada em 27 de novembro de 2011.
  105. Benjamin, Jeff (6 de novembro de 2011). Pussycat Dolls Creator Robin Antin: Revamped Group Will Be 'Fierce' « Billboard.com (em inglês) Billboard. Página visitada em 27 de novembro de 2011.
  106. Benjamin, Jeff (23 de novembro de 2011). 'Party Rock Anthem' Singer Lauren Bennett Joins The Pussycat Dolls « Billboard.com (em inglês) Billboard. Página visitada em 27 de novembro de 2011.
  107. Pussycat Dolls' New Lineup To Debut In Super Bowl Ad
  108. Meet the New Pussycat Dolls! Girls will Debut at Super Bowl 2012 [PHOTOS]
  109. Pussycat Dolls' Post-Super Bowl Plans Include Kim Kardashian
  110. A DOLL’S LIFE Next Pussycat Dolls: purr-fectly cast.
  111. Chrystina Sayers Formerly of Pop Group "Girlicious" Embarks on Solo Career With Genius Music
  112. Photos: New Pussycat Dolls lineup revealed as Robin Antin expands empire
  113. New Pussycat Dolls Lineup With Natalie Out & Emmalyn In
  114. I was married in June and was asked to keep it private, I found out about my little girl in September and was asked to make a choice.
  115. Montgomery, James (20 de abril de 2006). Ever Dreamed Of Undressing A Pussycat Doll? - Music, Celebrity, Artist News - MTV (em inglês) MTV. Página visitada em 27 de novembro de 2011.
  116. Montgomery, James (25 de maio de 2006). Hasbro Decides Not To Stickwit Pussycat Dolls Toy Line - Music, Celebrity, Artist News - MTV (em inglês) MTV. Página visitada em 27 de novembro de 2011.
  117. Montgomery, Josh (25 de maio de 2006). Burlesque is not Child's Play (em inglês) CommercialFreeChildHood.org. Página visitada em 27 de novembro de 2011.
  118. Leeds, Jeff (16 de abril de 2006). Pussycat Dolls turn burlesque club act into child's play - The New York Times (em inglês) The New York Times. Página visitada em 27 de novembro de 2011.
  119. De Leon (6 de setembro de 2008). 'Pussycat Dolls Present' Creator Launches Lingerie Collection (em inglês) BuddyTV. Página visitada em 27 de novembro de 2011.
  120. Vena (16 de dezembro de 2009). Robin Antin Hooks Up With Pussycat Doll Nicole Scherzinger For A New Workout DVD (Vídeo) (em inglês) MTV. Página visitada em 27 de novembro de 2011.
  121. McLean (29 de agosto de 2011). Anchor Bay Entertainment Picks Up Robin Antin's Pussycat Dolls Dancer's Body Workout - Reuters (em inglês) Reuters. Página visitada em 27 de novembro de 2011.
  122. Banda Pussycat Dolls é multada na Malásia por danças sensuais - Cifra Club News (em inglês) Cifra Club News (12 de agosto de 2006). Página visitada em 27 de novembro de 2011.
  123. Gorgan, Elena (10 de agosto de 2006). Raunchy Pussycat Dolls Fined in Malaysia - Softpedia (em inglês) Softpedia. Página visitada em 27 de novembro de 2011.
  124. Watson, Margeaux (24 de setembro de 2008). Doll Domination : Music : EW.com (em inglês). Página visitada em 27 de novembro de 2011.