Química supramolecular

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Química supramolecular refere-se à área da química além das moléculas, é focada nos arranjos moleculares e nas ligações intermoleculares. Está interessada em entidades de grande complexidade que resultam da associação de duas ou mais espécies químicas mantidas unidas por forças intermoleculares. A formação de sistemas agregados supramoleculares é um processo espontâneo (self-assembly) e não um processo em etapas, envolve o processo conhecido como reconhecimento molecular. De acordo com Lehn: a química supramolecular é uma generalização da química de coordenação.

As forças intermoleculares que levam a formação de estruturas supramoleculares podem ser ligações secundárias, ligações de hidrogênio, interações doador-aceptor (tipo ácido-base de Lewis) ou interações iônicas. Estes tipos de forças são importantes na formação de complexos "host-guest", no controle de estados de agregação e são fundamentais para o que conhecido como "crystal engineering".

Em compostos supramoleculares podemos distinguir três níveis de organização estrutural:

  • estrutura primária: a nível molecular;
  • estrutura secundária: consiste na associação de moléculas, ou seja, entidades supramoleculares, resultantes das interações intermoleculares;
  • estrutura terciária: consiste no empacotamento cristalino das entidades supramoleculares.