Quadrilha (banda)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Quadrilha
Informação geral
País Portugal Flag of Portugal.svg
Gênero(s) música tradicional portuguesa, música folk
Período em atividade 1991 - presente
Página oficial Página oficial

Quadrilha é uma banda portuguesa de música folclórica, cujo estilo resulta da fusão de elementos da música tradicional portuguesa e da música celta. Formada em 1991 por Sebastião Antunes, mentor, compositor, letrista e intérprete, a banda é actualmente composta por Nick Cook (violino), Amadeu Magalhães (bandolim, gaita de foles), Pierre Escodo (concertina, acordeão, teclas), Rui Rechena (baixo) e Luís Bento (bateria).

Sebastião Antunes[editar | editar código-fonte]

Actuais[editar | editar código-fonte]

Sebastião Antunes

Instrumentos: voz, guitarra, bouzouki, bandolim, bandoleta, percussão, flauta e tin whistle.

Luis Peixoto

Instrumentos: Bandolim

Tiago Pereira

Percussão: Bombo, caixa

Nick Cook

Instrumento: violino.

Amadeu Magalhães

Instrumentos: bandolim, gaita de foles e flauta.

Pierre Escodo

Instrumentos: concertina, acordeão e teclas.

Rui Rechena

Instrumento: baixo.

Luís Bento

Instrumento: bateria.

Ex-membros[editar | editar código-fonte]

João Ramos

Instrumentos: violino, tin whistle.

Paulo Marques

Instrumento: piano, sintetizadores, acordeão e vozes.

Rui Nunes

Instrumento: baixo.

António Olivença

Instrumento: baixo.

João Frias

Instrumento: baixo.

Mário João Santos

Instrumentos: bateria e caixa transmontana.

Robbie de Lacroix

Instrumento: bateria.

Jorge Costa

Instrumento: bateria

É o actual baterista de Quinta do Bill

Discografia[editar | editar código-fonte]

Contos de Fragas e Pragas (1992)[editar | editar código-fonte]

  1. Ai Caramba (MP3 disponível)
  2. Temporal
  3. Quadrilha
  4. Fraga
  5. Menina do Fato Negro
  6. Chamaram-me Cigano
  7. Normanda
  8. Desnorteio
  9. Balada das Naus
  10. Mulher da Erva

Até o Diabo Se Ria (1995)[editar | editar código-fonte]

Editora: POLYGRAM

  1. Canto da Solidão
  2. Canção de Emborcar
  3. Sécristia (MP3 disponível)
  4. Conversa de Comadres
  5. Serra d'Arga
  6. Romance da Ceifeira
  7. Maria Toma cuidado
  8. Trégua
  9. São Bento da Porta Aberta
  10. Os Homens Mais Velhos do Bar
  11. Nó no Miolo

Entre Luas (1997)[editar | editar código-fonte]

  1. Não Há Dinheiro
  2. Conto do Bicho Papão (MP3 disponível)
  3. P'ra Saber o Fim
  4. Doideira
  5. O Lobo
  6. Quem Casa com Mulher Bonita
  7. Quem Anda ao Mar
  8. História da Minhota
  9. Quando Deus Quiser
  10. Balada do Desajeitado
  11. Ai Caramba

Quarto Crescente (1999)[editar | editar código-fonte]

Data de Edição: 15 de Setembro de 1999

Editora: OVAÇÃO

  1. Ninguém É Dono do Mar (MP3 disponível)
  2. Rio de Onor
  3. Alguma Coisa Há-de Dar
  4. Canto do Quarto Crescente
  5. Lágrima de Lobo
  6. Cá Vamos Andando
  7. Scottish
  8. Toada do Alentejo
  9. A Vida a Fazer de Conta
  10. Má Sorte Teres Sido Tu
  11. Aninhas
  12. Se a Vida Fosse Como a Gente Quer
  13. Valsa da Bailarina
  14. Ninguém É Dono do Mar II

A Cor da Vontade (2003)[editar | editar código-fonte]

Data de Edição: 10 de Novembro de 2003

Editora: V&A - 04

  1. Não Dêem Cabo do Mundo (MP3 disponível)
  2. Nem Mal Que Sempre Dure, Nem Bem Que Nunca Se Acabe
  3. Mértola
  4. Quem Bem Faz a Cama, Bem Nela Se Deita
  5. Lua Branca das Ribeiras
  6. Druantia
  7. À Força Não Hei-de Ir
  8. História da Marianita
  9. Nós Tenemos Muitos Nabos
  10. Tu Hás-de Ver
  11. Vade Retro Satanás
  12. A Carreira das Duas (ao vivo em Ponta Delgada, Maio 2003) + faixa bónus (instrumental)

Ao Vivo - Deixa que Aconteça (2006)[editar | editar código-fonte]

Data de Edição: 2 de Outubro de 2006

Editora: OVAÇAO

  1. Por Quem Tu És Desejado (vídeo)
  2. Quem Anda ao Mar (vídeo)
  3. Ai Caramba
  4. Ponte da Misarela (videoclip)
  5. Não Dêem Cabo do Mundo
  6. Saharaui
  7. À Força Não Hei-de Ir
  8. Balada do Desajeitado
  9. Caixinha de Música
  10. Levitação Azul (videoclip)
  11. Se as Ondas Voam com o Vento
  12. Canção de Emborcar
  13. Doideira
  14. Ninguém É Dono do Mar
  15. Vade Retro Satanás
  16. Nem Mal Que Sempre Dure, Nem Bem Que Nunca Se Acabe