Quarantine 2: Terminal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde setembro de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Quarantine 2 ,Terminal
Quarentena 2, Terminal (PT/BR)
2011 • cor • 90 min 
Direção John Pogue
Produção John Erick Dowdle
Roteiro John Pogue
John Erick Dowdle
Elenco Mercedes Masöhn
Josh Cooke
Mattie Liptak
Ignacio Serricchio
Género terror, suspense
Distribuição Brasil Sony Pictures[1]
Lançamento Brasil 17 de julho de 2011[1]
País  Estados Unidos
Idioma inglês
Cronologia
Último
Último
Quarentena
Quarentena 3
Próximo
Próximo
Site oficial
Página no IMDb (em inglês)

Quarantine 2: Terminal (Quarentena 2 no Brasil) é a continuação de Quarentena, filme de terror lançado em 2008. Escrito e dirigido por John Pogue, foi para os cinemas em 17 de junho de 2011 e será lançado em DVD em 2 de Agosto.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Se passa na mesma noite em que o condomínio é lacrado em Los Angeles. Quando um dos passageiros a bordo de um voo para Nashville começa a apresentar sintomas violentos de uma doença semelhante à raiva, o avião faz um pouso de emergência no aeroporto. Jenny (Mercedes Masohn), uma aeromoça ainda inexperiente, fica a cargo da segurança dos passageiros. É quando vários carros do Centro de Controle de Doenças e a polícia chegam que Jenny e os passageiros descobrem que estão isolados do resto do mundo no aeroporto, presos à mercê de uma violenta infecção. Jenny e Henry (Josh Cooke), um professor do jardim-de-infância, decidem agir num plano de sobrevivência.

Elenco[editar | editar código-fonte]

A sequência[editar | editar código-fonte]

Quarantine 3 não foi confirmado oficialmente, porem este filme termina prometendo uma continuação e acaba revelando que o cenário apocalíptico se passará em Las Vegas.

Referências