Quarta República Francesa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde Fevereiro de 2008).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.


Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes (desde Janeiro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Quatrième République Française (fra)
Quarta República Francesa
Flag of France.svg
1946 – 1958 Flag of France.svg
 
Flag of Algeria.svg

Bandeira de Quarta República Francesa

Bandeira

Localização de Quarta República Francesa
A República em 1959
Continente Europa e África
Capital Paris
Língua oficial Francês
Governo República
Período histórico Guerra Fria
 • 1946 Fundação
 • 1958 Dissolução

Antecedentes[editar | editar código-fonte]

Até 1947, a França foi governada pelo Governo Provisório da República da França.Em desacordo com a maioria da primeira Assembléia Constituinte, o general Charles de Gaulle pediu demissão em Janeiro de 1946. Segue-se o estabelecimento da Quarta República com Vincent Auriol como presidente.

A Constituição de 1946, adaptada por referendo, entrou em vigor em Janeiro de 1947.

Em 1953, a eleição do segundo presidente da República, René Coty, somente foi obtida no décimo terceiro escrutínio.

Na década de 1950, destacam-se dois quadros: o rápido desenvolvimento económico do país, cuja taxa de crescimento simultaneamente igualava a registada pela Alemanha e ultrapassava a média europeia; e a proliferação dos movimentos independentistas nas diferentes colónias francesas, muitos dos quais conduzindo a situações de guerra aberta entre a França e aqueles movimentos. Seria esta última conjuntura a estar na base da instabilidade política interna verificada no fim da década de 1950, por ação, nomeadamente, dos grupos nacionalistas argelinos.

O conflito indochinês (1946-1954), a agitação na Tunísia (1952) e em Marrocos (1953-1956), o desenvolvimento, a partir de 1954, da guerra da Argélia, deterioram progressivamente a autoridade da Quarta República, que sofria ainda a carga de uma rápida inflação. Em maio de 1958, manifestou-se uma crise governamental particularmente grave, enquanto na Argélia se criava um "Comité de Salvação Pública".

Ícone de esboço Este artigo sobre Estado extinto, integrado ao Projeto Estados Extintos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.