Queimados

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Queimados
Queimados

Queimados
Bandeira de Queimados
Brasão de Queimados
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 25 de novembro
Fundação 25 de novembro de 1990 (23 anos)
Gentílico queimadense
Lema "Nossa história é de lutas, mas vamos vencer" (José Reinaldo Halm)
Prefeito(a) Max Lemos (PMDB)
(2013–2016)
Localização
Localização de Queimados
Localização de Queimados no Rio de Janeiro
Queimados está localizado em: Brasil
Queimados
Localização de Queimados no Brasil
22° 42' 57" S 43° 33' 18" O22° 42' 57" S 43° 33' 18" O
Unidade federativa  Rio de Janeiro
Mesorregião Metropolitana do Rio de Janeiro IBGE/2008 [1]
Microrregião Rio de Janeiro IBGE/2008 [1]
Região metropolitana Rio de Janeiro
Municípios limítrofes Japeri, Nova Iguaçu e Seropédica
Distância até a capital 50 km
Características geográficas
Área 76,921 km² [2]
População 137 962 hab. Censo IBGE/2010[3]
Densidade 1 793,55 hab./km²
Altitude 29 m
Clima Não disponível
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,732 (RJ: 73º) – alto PNUD/2000 [4]
PIB R$ 1 017 279,276 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 7 378,54 IBGE/2008[5]
Página oficial

Queimados é um município brasileiro do estado do Rio de Janeiro. Localiza-se a 22º42'58" de latitude sul e 43º33'19" de longitude oeste, a uma altitude de 29 metros. A população estimada pelo IBGE em 2009 foi de 139.378 habitantes.[6]

História[editar | editar código-fonte]

Ocupa uma área de de 76,921 km², integrando a Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

Estação Queimados

Há três versões mais prováveis para seu nome. A primeira diz que, quando o imperador Dom Pedro I passou por aquela região, por ocasião da inauguração da estação de trem, viu uma grande queimada que estava sendo feita dos laranjais nos morros, e chamou o lugar de "Morro dos Queimados". A segunda diz que o nome é referente aos corpos de leprosos queimados, aos montes, que morriam num leprosário que ali existia, onde hoje se situa a Estrada do Lazareto, uma das principais vias do município. Há ainda uma terceira versão, que afirma que o nome da cidade provém dos escravos fugidos das fazendas, que eram mortos e tinham seus corpos queimados pelos seus senhores.

Passou a categoria de município, em 1990, quando se emancipou de Nova Iguaçu.

Subdivisões[editar | editar código-fonte]

A cidade está dividida em 37 bairros.

Política[editar | editar código-fonte]

Prefeitos[editar | editar código-fonte]

Esta é uma lista de prefeitos do município de Queimados.

Nome Partido Início do mandato Fim do mandato Observações
1 Jorge Cesar Pereira da Cunha 1º de janeiro de 1993 31 de dezembro de 1996 Prefeito eleito
2 Azair Ramos da Silva 1º de janeiro de 1997 31 de dezembro de 2000 Prefeito eleito
Azair Ramos da Silva 1º de janeiro de 2001 31 de dezembro de 2004 Prefeito reeleito
3 Carlos Rogério dos Santos,
"Rogério do Salão"
PL/PDT 1º de janeiro de 2005 31 de dezembro de 2008 Prefeito eleito
4 Max Rodrigues Lemos PMDB 1º de janeiro de 2009 31 de dezembro de 2012 Prefeito eleito
Max Rodrigues Lemos PMDB 1º de janeiro de 2013 31 de dezembro de 2016 Prefeito reeleito
Márcia Maria Lopes dos Santos,
"Márcia Teixeira"
PT 1º de janeiro de 2013 31 de dezembro de 2016 Vice-prefeita reeleita

Presidentes da Câmara dos Vereadores[editar | editar código-fonte]

  • 1993 - 1996 - Carlos Albino Pires de Andrade
  • 1997 - 2000 - Milton Campos Antonio
  • 2001 - 2004 - Max Rodrigues Lemos
  • 2005 - 2008 - Milton Campos Antonio
  • 2009 - atual - Milton Campos Antonio

Infraestrutura[editar | editar código-fonte]

Transporte[editar | editar código-fonte]

Queimados possui duas empresas de ônibus que fazem trajetos municipais: Gardel Turismo e Fazeni Transportes e Turismo; Cinco Empresas fazem Trajetos Intermunicipais: Linave Transportes, Transportes Blanco, Gardel Turismo, Fazeni Transportes e Turismo e Nilopolitana Cavalcanti e Cia. Uma Estação de Trem que Atende o Ramal Japeri da SuperVia, a Estação Queimados

Filhos ilustres[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil. Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial. Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  3. Censo Populacional 2010. Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Página visitada em 11 de dezembro de 2010.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil. Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 11 dez. 2010.
  6. Estimativas da população para 1º de julho de 2009 (PDF). Estimativas de População. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 out. 2010). Página visitada em 16 de agosto de 2009.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Tópicos relacionados[editar | editar código-fonte]