Rádio Cidade FM (São Luís)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde julho de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Rádio Cidade FM
País  Brasil
Frequência(s) 99.1 MHz FM
Sede São Luís, MA
Fundação 8 de setembro de 1983 (31 anos)
Pertence a Grupo Vieira da Silva
Género Músical
Idioma Língua portuguesa
Prefixo ZYC 622
Cobertura Região Metropolitana da Grande São Luís e Norte do Maranhão
Sítio oficial http://www.radiocidade99.fm.br/

A Rádio Cidade FM é uma emissora de rádio brasileira instalada em São Luís, na Ilha de São Luís, Maranhão. A emissora é sintonizada na FM 99.1 MHz, pertence ao Grupo Vieira da Silva, que compõe a TV Cidade (canal 6, afiliada à Rede Record) e a Rádio Capital AM. A programação da emissora é desde eclética e popular.

História[editar | editar código-fonte]

A Rádio Cidade FM entrou no ar no dia 8 de setembro de 1983, no dia de aniversário de São Luís, que completava 371 anos da fundação e também no mesmo dia do surgimento da TV Cidade do mesmo grupo.

Desde que surgiu, a rádio passou ser vice-líder em vários horários, perdendo a rival Rádio Difusora FM, principalmente os programas de músicas românticas, populares, MPB local e nacional, incluindo reggae jamaicano (entre eles Bob Marley e Jimmy Cliff) e no Maranhão (o mais famoso é a Tribo de Jah).

Em 1996, conseguiu a façanha em tirar a então líder Rádio Difusora FM, graças às mudanças na programação, entre 1993 a 1995, com inspiração da programação e vinhetas da rádio do mesmo nome na cidade do Rio de Janeiro (hoje extinta).

Na época, a Rádio Cidade FM tinha programação semelhante à Difusora. Já a maior audiência está com o locutor Stênio Kavazaki, apresentador dos programas Cidade Nota 10 (segundas às sextas, do meio-dia às 14 horas) e Momentos de Amor (segundas às sextas das 17 até 19 horas) e Madrugada da Cidade (todos os dias, entre meia-noite até 6 da manhã). A emissora dá espaço aos musicais de reggae, entre 8 às 9 horas (Nat Reggae, em 1997), das 14 às 15 horas e 30 minutos (Reggae Point) e 20 até 22 horas (Cidade Reggae), muito popular entre negros maranhenses concentrados na ilha de São Luís e arredores. Nos sábados era entre 12-17hs.

Entre os populares, de segunda aos sábados, estão Bom Dia Cidade (das 6 às 9 horas; em 1997 passou até às 8), As Mais Mais da Cidade (com Silvana Lobato, das 9 até 12 horas, de segunda às sextas), Sucessos Nota 10, Disque Cidade (15hs30-17hs).

Também havia espaço à música jovem, como o hits e balanço do Hot Mix (22-24hs, de segunda às sextas), do DJ Claudinho Polarini, que posteriormente passa apresentar em Brasil e até exterior. Aos sábados era entre 19-21hs e domingos entre 17-19hs. Aos domingos, era Pagode na Cidade (das 14 até 17 horas), sem nenhum locutor. Nos finais de semana, havia espaço para música sertaneja, nos sábados 21-24hs e nos domingos entre 19-24hs.

Depois de 1998, com a popularização do forró (até então, os ritmos eram sertanejo e axé, principalmente a concorrência da Rádio São Luís FM) e as novas rádios surgindo, a Cidade passa a mudar programação pra não perder audiência.

Atualmente, a Rádio Cidade FM já não tem mais o auge que tinha nos Anos 90, chegando a perder audiência quando há programas de reggae e ritmos não apreciados pelos ouvintes.

Ligações esternas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Rádio é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.