Vida FM Sat

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Rádio Vida FM)
Ir para: navegação, pesquisa

A Vida FM Sat foi uma rede de rádios gospel com sede na cidade de São Paulo, com abrangência no Brasil e em Portugal. Encerrou suas atividades em 19 de março de 2014, sendo sucedida pela Feliz FM Sat.

Histórico[editar | editar código-fonte]

A rede de rádios Vida teve início em 2007, com o início das operações da Radio Vida FM Ltda de São Paulo. Em 2009, Juanribe Pagliarin, presidente da Comunidade Cristã Paz e Vida assumiu o controle da rádio, que passou do 16º lugar na audiência na capital paulista para a 6ª colocação. A partir de 2012 outras rádios de várias capitais do Brasil foram arrendadas, formando a Vida FM Sat.

O principal slogan da rádio era “A vida é tudo de bom". A programação era feita com músicas intercaladas com pregações de pastores.

Em 2013, foi confirmado que a família Pagliarin adquiriu a 89,1 FM de Lisboa, e no dia 15 de agosto, entrou no ar a "Super Vida FM". Pagliarin já mantinha um programa gospel na rádio há cinco anos. A partir desse momento a programação passou a ser 24 horas de música e pregação destinada também aos evangélicos portugueses.[1]

Interrupção da transmissão em SP e alteração da rede[editar | editar código-fonte]

Em 28 de fevereiro de 2014 a programação da rádio de São Paulo deixou de ser transmitida e a frequência ficou muda. Em comunicado oficial, a Rádio Vida informou inicialmente que o fato ocorreu devido a problemas técnicos em seus transmissores localizados no Pico do Urubu, na Serra do Itapety, em Mogi das Cruzes[2] .

É sabido que a frequência 96.5 em São Paulo, tem sua cobertura questionada desde o início dos anos 2000, quando ainda pertencia a Orestes Quércia[3] . A concessão para atuação da rádio é para o município de São José dos Campos, no Vale do Paraíba, devendo a rádio atuar exclusivamente nesta região. Ao deslocar os transmissores para Mogi das Cruzes e instalar o estúdio na cidade de São Paulo, a rádio também era sintonizada em toda a Grande São Paulo e Litoral Norte e estaria, portanto, operando sob força de liminar judicial. Em março de 2014 estavam em situação semelhante outras 15 rádios da mesma região, segundo o Ministério Público Federal[4] .[5]

Três semanas após a interrupção da transmissão em São Paulo, a direção da Rádio Vida assumiu que o motivo da interrupção da transmissão em São Paulo foi em decorrência da apreensão e lacração dos transmissores pela Anatel e Polícia Federal, situação que não foi revertida, mesmo após apelos à justiça.

O fim da rede e a criação da Feliz FM Sat[editar | editar código-fonte]

Diante da impossibilidade de transmitir pelos 96.5 em São Paulo, de continuar com a marca "Rádio Vida", a direção da rádio arrendou uma nova emissora em São Paulo, a 92,5, onde operava até então a rádio Iguatemi Prime, que migrou para outra frequência. Toda a rede de rádios no Brasil e em Portugal foi renomeada. Em 19 de março portanto a rede encerrou suas atividades, sendo sucedida pela Feliz FM Sat.

Emissoras da rede[editar | editar código-fonte]

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligação externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Rádio é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.