Radiossonda

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Radiossonda Sippican Mark II.

Uma radiossonda é um conjunto de equipamentos e sensores transportado por balões meteorológicos, os quais medem vários parâmetros atmosféricos e os transmitem a um aparelho receptor fixo. As radiossondas operam nas freqüências de rádio de 403 MHz ou 1680 MHz e ambas as freqüências podem ser ajustadas ligeiramente para mais ou para menos caso seja necessário. Um outro tipo de radiossonda, a rawinsonde, serve também para medir a velocidade e a direção do vento.

Histórico[editar | editar código-fonte]

A radiossonda foi inventada pelo meteorologista soviético Pavel Molchanov o qual lançou o primeiro modelo em 30 de janeiro de 1930.[1] [2]

Denominada "271120", a radiossonda decolou às 13:44 (hora de Moscou) de Pavlovsk, na União Soviética e atingiu uma altitude de 7,8 Km, na qual mediu a temperatura de -40,7 ºC. Trinta e dois minutos após o lançamento, a radiossonda enviou a primeira mensagem aerológica para os centros meteorológicos de Leningrado e Moscou.[3]

Características operacionais[editar | editar código-fonte]

As radiossondas modernas podem medir ou calcular as seguintes variáveis:

Embora não seja comum, radiossondas também podem medir a concentração de ozônio.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. BALLOONS SAMPLE THE WEATHER Weather Doctor Almanac (Julho de 2005).
  2. Kirk. Martinez,; Jane K. Hart, Edward Linacre, Bart Geerts. Climates & Weather Explained.. [S.l.]: Routledge (UK), 1997. p. 17 pp. ISBN 0415125200.
  3. 75th anniversary of starting aerological observations in Russia (em russo) EpizodSpace.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Tecnologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.