Rafael de Souza Pereira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rafael Carioca
Rafael Carioca 6342.jpg
Informações pessoais
Nome completo Rafael de Souza Pereira
Data de nasc. 18 de junho de 1989 (25 anos)
Local de nasc. Rio de Janeiro (RJ),  Brasil
Altura 1,79 m
Informações profissionais
Clube atual Rússia Spartak Moscou
Número 6
Posição Volante
Clubes de juventude

20062008
Brasil Pão de Açúcar
Brasil Grêmio
Clubes profissionais1
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
2008
2009
2010
Brasil Grêmio
Rússia Spartak Moscou
Brasil Vasco da Gama (emp.)
037 0000(0)
077 0000(2)
045 0000(0)
Seleção nacional
2008 Brasil Brasil Sub-18 000 0000(0)


1 Partidas e gols pelo clube profissional
contam apenas partidas das ligas nacionais,
atualizados até 26 de novembro de 2011.


Rafael de Souza Pereira, mais conhecido como Rafael Carioca, (Rio de Janeiro, 18 de junho de 1989) é um futebolista brasileiro que atua como volante. Atualmente, joga pelo Spartak Moscou.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Grêmio[editar | editar código-fonte]

Após bons anos nas categorias de base do Pão de Açúcar, Rafael Carioca foi jogar nas categorias inferiores do Grêmio. No início de sua estadia em Porto Alegre, ele pensou em ir embora, porque não se adaptou à cidade. Entretanto, ele desistiu da idéia e permaneceu em Porto Alegre. Depois de se destacar nas categorias de base, ele foi promovido aos profissionais, em 2008. Porém, essa passagem durou pouco tempo, e ele acabou voltando para os juniores do clube. Entretanto, em março do mesmo ano, Rafael foi novamente para os profissionais.

Em 26 de março de 2008, fez sua estreia pelos profissionais do Grêmio, no jogo contra o 15 de Novembro, no qual ele entrou no lugar de Nunes.

Após se firmar como titular, Rafael acabou criticando Vágner Mancini, treinador no início da temporada, por tê-lo chamado de "marrento". Além disso, Rafael Carioca agradeceu ao técnico Celso Roth por ter confiado nele.[1] Com boas atuações, Rafael Carioca se consolidou na titularidade do time do Grêmio, no segundo semestre de 2008.

Em julho de 2008, Rafael renovou seu contrato com o Grêmio até 30 de junho de 2013. Destacado no Campeonato Brasileiro, Rafael acabou despertando interesse de clubes estrangeiros. No dia 9 de dezembro de 2008, o volante foi vendido pelo Grêmio ao Spartak Moscou, da Rússia.[2] A negociação teria girado em torno de 4 milhões de euros.[3] milhões embolsados pelo Tricolor. A justificativa para a venda, dada pela direção do clube foi que o Grêmio necessitava do dinheiro para sanar sua situação financeira. Em entrevista ao jornal Zero Hora, Rafael revelou que tinha que pensar na sua situação financeira e ajudar a sua família;[4] ele também falou que tinha o pensamento de ir para a Europa, o que motivou sua escolha.

Spartak Moscou[editar | editar código-fonte]

O contrato de Rafael Carioca com o Spartak Moscou tem a duração de cinco anos.[4] Ele veste a camisa de número 6 no seu clube.

Na Rússia, Rafael Carioca foi vice-campeão do Campeonato Russo em 2009.

No dia 6 de maio de 2012, pela penúltima rodada do Campeonato Russo de Futebol, Rafael Carioca conseguiu marcar seu primeiro gol na carreira profissional,na partida Spartak 3 x 2 Zenit, aos 44 do segundo tempo,garantindo a vitória da equipe de Moscou. Na partida,ainda levou um cartão amarelo por tirar a camisa na hora da comemoração.

Vasco da Gama[editar | editar código-fonte]

No início de 2010, Rafael Carioca foi emprestado ao Vasco para o restante do ano, onde se deu muito bem no clube sendo titular absoluto no clube.

Referências

Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre um futebolista brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.