Ralf Dahrendorf

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ralf Dahrendorf 2003
Portal A Wikipédia possui o:
Portal de Filosofia

Ralf Gustav Dahrendorf (Hamburgo, 1 de maio de 1929Colônia, 17 de junho de 2009) foi um sociólogo, filósofo e político alemão radicado no Reino Unido.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Ele nasceu em Hamburgo numa família luterana, como a maioria das famílias de Hamburgo. Sua família era ativa na política, seu pai havia representado o Partido Social Democrata (SPD) no Reichstag, entre 1932 e 1933.[1]

Estudou filosofia, filologia clássica e sociologia em Hamburgo e Londres entre 1947 e 1952. Doutorou-se em filosofia (dr. phil.) e fez um doutoramento (PhD) na London School of Economics. Foi aluno de Karl Popper.

Foi viver em Saarbrücken em 1954 e ali fez a habilitação, na Universidade do Sarre. Curiosamente, recebia ali o seu salário em francos franceses. Só em 1955 é que esta cidade optou através do escrutínio popular consentido pelos governos de Mendes France e Konrad Adenauer pelo regresso à Alemanha (então República Federal Alemã).

Em 1957, já depois da sua primeira publicação e com 28 anos de idade, foi convidado para passar um ano no Center for Advanced Study in the Behavioural Sciences, em Palo Alto, na Califórnia. Foi ali colega de Fritz Stern e conheceu entre outros os economistas Milton Friedman, George Stigler, Kenneth Arrow e Robert Solow, todos eles laureados com o Prémio Nobel da Economia. Foi depois professor de sociologia em Hamburgo, Tubinga e Constância.

Entre 1969 e 1970 foi deputado no parlamento alemão pelo Freie Demokratische Partei (Partido livre democrático) (FDP), os liberais alemães, e secretário de Estado no Ministério de Negócios Estrangeiros. Em 1970 tornou-se comissário na Comissão Europeia em Bruxelas.[1] Entre 1974 e 1984 ele foi professor da London School of Economics[1] , onde foi também foi diretor, e entre 1987 e 1997 Decano do St. Anthony's College na Universidade de Oxford.

Em 1993 ele recebeu o título de lorde da rainha Elizabeth II da Inglaterra[1] , tendo sido feito Baron Dahrendorf of Clare Market na City of Westminster. Pertence desde então à câmara alta do Parlamento britânico (Westminster).

Extracto da obra[editar | editar código-fonte]

  • Classes e conflito de classe na sociedade industrial
  • Sociedade e democracia na Alemanha, 1965
  • História da London School of Economics

Referências

  1. a b c d Morre sociólogo liberal alemão Ralf Dahrendorf aos 80 anos Deutsche Welle (18.06.2009). Visitado em 23.01.2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Ralf Dahrendorf