Ralph Allen Sampson

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ralph Allen Sampson
Astronomia
Nacionalidade Inglaterra Britânico
Nascimento 25 de junho de 1866
Local Schull
Morte 7 de novembro de 1939 (73 anos)
Local Bath (Somerset)
Atividade
Campo(s) Astronomia
Prêmio(s) Medalha de Ouro da RAS (1928)

Ralph Allen Sampson FRS (Schull, 25 de junho de 1866Bath, 7 de novembro de 1939) foi um astrônomo britânico.

Nasceu em Schull, Condado de Cork, filho de James Sampson, um químico metalúrgico. A faamília mudou-se para Liverpool, e Sampson estudou no Liverpool Institute High School for Boys e graduou-se no St John's College (Cambridge), em 1888.[1] Recebeu uma bolsa de estudos para realizar pesquisas astronômicas na Universidade de Cambridge. (Ele tinha sido aluno do astrônomo John Couch Adams, auxiliando-o a editar e publicar a parte I do segundo volume dos artigos de Adams, em 1900).

Em 1893 foi professor de matemática do Durham College of Science em Newcastle upon Tyne, sendo eleito em 1895 professor de matemática da Universidade de Durham. Em dezembro de 1910 foi Astrônomo Real da Escócia (até 1937) e professor de astronomia da Universidade de Edimburgo. Fez pesquisas pioneiras em medição de temperatura de cor de estrelas. Realizou pesquisas sobre a teoria do movimento dos quatro satélites galileanos de Júpiter, recebendo por isto a Medalha de Ouro da Royal Astronomical Society de 1928. Foi presidente da Royal Astronomical Society, de 1915 a 1917.

Foi eleito membro da Royal Society em junho de 1903,[2]

A cratera lunar Sampson foi batizada em sua homenagem.

Referências

  1. Biografia resumida (em inglês)
  2. Library and Archive Catalogue The Royal Society. Página visitada em 1 de maio de 2011.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Obituaries[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Frank Schlesinger
Medalha de Ouro da Royal Astronomical Society
1928
Sucedido por
Ejnar Hertzsprung


Ícone de esboço Este artigo sobre um astrônomo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.