Raymond v. Raymond

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Raymond v. Raymond
Álbum de estúdio de Usher
Lançamento 26 de Março de 2010[1]
Gravação 2008 - 2010
Gênero(s) R&B, hip-hop, pop
Duração 58:59
Idioma(s) Inglês
Formato(s) CD, download digital
Gravadora(s) LaFace
Produção Usher (exec.)
Jermaine Dupri, Ne-Yo, Will.I.Am, The Neptunes, Zaytoven, Polow da Don, RedOne, Dre & Vidal, Danja, The Runners, Tricky Stewart, Jazze Pha, Jim Jonsin, T-Pain
Certificação Platinum.png Platina (ARIA, Music Canada, RIAA)
Opiniões da crítica

O parâmetro das opiniões da crítica não é mais utilizado. Por favor, mova todas as avaliações para uma secção própria no artigo. Veja como corrigir opiniões da crítica na caixa de informação.

Cronologia de Usher
Último
Último
Here I Stand
(2008)
Versus
(2010)
Próximo
Próximo
Capa da edição deluxe
Singles de Raymond vs. Raymond
  1. "Hey Daddy (Daddy's Home)"
    Lançamento: 8 de Dezembro de 2009
  2. "Lil Freak"
    Lançamento: 2 de Março de 2010
  3. "OMG"
    Lançamento: 22 de Março de 2010
  4. "There Goes My Baby"
    Lançamento: 15 de Junho de 2010
  5. "More"
    Lançamento: 6 de Dezembro de 2010

Raymond v. Raymond é o sexto álbum de estúdio do cantor e compositor norte-americano Usher, lançado mundialmente em 26 de Março de 2010, pelo selo da LaFace Records. Usher trabalhou no álbum num período de praticamente dois anos, entre 2008 a 2010, ao lado de diversos produtores musicais, incluindo Jermaine Dupri, The Runners, T-Pain, Polow da Don, Ne-Yo, Anthony Hamilton, The Neptunes, Adam Levine e Tricky Stewart.

O primeiro single retirado do álbum, "Hey Daddy (Daddy's Home)", lançado em 9 de Dezembro de 2009 nos EUA, alcançou o #2 da Billboard R&B/Hip-Hop Songs, apesar de não ter passado da 24ª posição na Billboard Hot 100. Porém, o sucesso internacional só viria no quarto single, "OMG", lançado em Março de 2010, que alcançou o #1 nas paradas de mais de treze países ao redor do globo, incluindo os EUA, Irlanda, Austrália, Reino Unido e Nova Zelândia, além da Global Track Chart.

Em sua estreia, o álbum vendeu, nos Estados Unidos, a soma de 329 mil cópias apenas na primeira semana, alcançado a primeira posição da Billboard 200.

Raymond v. Raymond recebeu dois Grammys, incluindo o de "Melhor Álbum de R&B Contemporâneo" e o de "Melhor Performance Vocal Masculina de R&B", pelo single "There Goes My Baby".

Recebendo críticas mistas, Raymond v. Raymond já vendeu pouco mais de 4 milhões de cópias mundialmente, sendo 1 milhão apenas nos EUA.

Singles[editar | editar código-fonte]

"Hey Daddy", foi lançado como o primeiro single do álbum em 8 de dezembro de 2009. O single atingiu o #25 no Hot 100 da Billboard e #2 no Hot R&B / Hip-Hop Songs.

"Lil Freak",foi o segundo single do álbum, com a participação da rapper Nicki Minaj. A canção alcaçou a 8° posição no Hot R&B/Hip-Hop Songs da Billboard e a 40° posição no Hot 100.

"OMG", com participação de Will.I.Am, foi o quarto single nos Estados Unidos e o primeiro a ser realizado internacionalmente. A música se tornou um dos maiores hits de Usher, vindo a ser sua nona canção a estar no topo do Hot 100 fazendo com que Usher seja o 1° artista em 2010 a conseguir o feito de colecionar hits n° 1 em três décadas consecutivas, e apenas o quarto artista a conseguir o feito. A canção ainda liderou as paradas em vários países.

"There Goes My Baby", foi primeiramente realizada como terceiro single , mas foi lançada como single oficial devido ao sucesso da canção, que alcançou até agora a 25° posição no Hot 100, e se tornando sua 11° canção n°1 do Hot R&B/Hip-Hop Songs.

Outras canções
  • "Papers" foi lançado como um suposto single do álbum em 28 de outubro de 2009. Apesar de ser apenas um lançamento promocional, que chegou ao número 31 nos Estados Unidos, e também liderou a E.U. R & B / Hip-Hop da Billboard por duas semanas consecutivas.
  • "More" será o segundo sinlge promocional, a ser lançado em 2 de março de 2010. A música está sendo usada para promover a 2010 NBA All-Star Game em TNT. Um vídeo promocional foi filmado. Usher cantou a música na NBA 2010 All Star Game, no estádio do Dallas Cowboys em 14 de fevereiro de 2010. Além disso, dois vídeos para a canção foram baleados em dezembro de 2009 por duas equipes de todo o filme teen. Os fãs têm a oportunidade de assistir os vídeos e votar em seus favoritos.

Faixas[editar | editar código-fonte]

# Título Produtor(es) Duração
1
"Monstar"
J. Jam & T. Lewis
5:01
2
"Hey Daddy (Daddy's Home)"
The Runners
3:44
3
"There Goes My Baby"
J. Jonsin, R. Love
4:41
4
"Lil Freak" (Feat. Nicki Minaj)
Polow da Don
3:54
5
"She Don't Know" (Feat. Ludacris)
Bangladesh, S. Garrett
4:03
6
"OMG" (Feat. will.i.am)
will.i.am
4:29
7
"Mars vs. Venus"
J. Jam & T. Lewis
4:22
8
"Pro Lover"
J. Jam & T. Lewis
5:03
9
"Foolin' Around"
Bryan-Michael Cox, J. Dupri
4:11
10
"Papers"
Zaytoven, S. Garrett
4:21
11
"So Many Girls"
Danja
4:36
12
"Guilty" (Feat. T.I.)
AJ "Prettyboifresh" Parhm
3:44
13
"Okay"
James "JLack" Lackey
3:15
14
"Making Love (Into the Night)"
J. Jonsin, R. Love
3:36

Desempenho nas tabelas musicais[editar | editar código-fonte]

Tabelas semanais
País  — Tabela musical (2010) Posição
de pico
 Austrália  — ARIA Charts[21] 2
 Austrália  — ARIA Urban Albums Chart[22] 1
 Áustria  — IFPI[21] 68
 Bélgica (Flandres)  — Ultratop 50[21] 43
 Bélgica (Valónia)  — Ultratop 40[21] 67
 Canadá  — Canadian Albums Chart[23] 4
 Países Baixos  — MegaCharts[24] 34
 França  — SNEP[21] 32
 Alemanha  — Media Control Charts[25] 47
 Grécia  — AGPP[26] 4
 Irlanda  — IRMA[25] 17
 Nova Zelândia  — RIANZ[21] 8
 Polónia  — OLiS[27] 40
Escócia  — Scottish Albums Chart[28] 8
África do Sul  — RISA[29] 17
Suíça  — Schweiser Hitparade[25] 20
 Reino Unido  — UK Albums Chart (The Official Charts Company)[30] 2
 Reino Unido  — UK R&B Chart (The Official Charts Company)[31] 2
 Estados Unidos  — Billboard 200[23] 1
 Estados Unidos  — Top R&B/Hip-Hop Albums[23] 1
Tabelas de fim de ano
País  — Tabela musical (2010) Posição
 Estados Unidos  — Billboard 200[32] 18
 Estados Unidos  — Top R&B/Hip-Hop Albums[33] 6

Referências

  1. Raymond V Raymond: Usher: Amazon.de: Musik Amazon.de. Visitado em 2010-02-26.
  2. Raymond v. Raymond (2010): Reviews. Metacritic. Retrieved on 2010-03-30.
  3. Kellman, Andy. Review: Raymond v. Raymond. Allmusic. Retrieved on 2010-03-29.
  4. Mitchell, Gail. Review: Raymond v. Raymond. Billboard. Retrieved on 2010-09-05.
  5. Reed, James. Review: Raymond v Raymond. The Boston Globe. Retrieved on 2010-03-29.
  6. Kot, Greg. Review: Raymond v Raymond. Chicago Tribune. Retrieved on 2010-03-29.
  7. Greenblatt, Leah. Review: Raymond v Raymond. Entertainment Weekly. Retrieved on 2010-03-29.
  8. Sullivan, Caroline. Review: Raymond v. Raymond. The Guardian. Retrieved on 2010-04-23.
  9. Wood, Mikael. Review: Raymond v. Raymond. Los Angeles Times. Retrieved on 2010-03-30.
  10. Gamboa, Glenn. Review: Raymond v. Raymond. Newsday. Retrieved on 2010-03-30.
  11. Farber, Jim. Review: Raymond v Raymond. New York Daily News. Retrieved on 2010-03-30.
  12. Rennie, Andrew. Review: Raymond v. Raymond. NOW. Retrieved on 2010-09-05.
  13. Lewis, Tyler. Review: Raymond v. Raymond PopMatters. Visitado em 2010-05-07.
  14. Hoard, Christian. Review: Raymond v. Raymond. Rolling Stone. Retrieved on 2010-03-30.
  15. Cole, Matthew. Review: Raymond v Raymond. Slant Magazine. Retrieved on 2010-03-29.
  16. Fisher, Tyler. Review: Raymond v. Raymond. Sputnikmusic. Retrieved on 2010-03-30.
  17. Infantry, Ashante. Review: Raymond v Raymond. Toronto Star. Retrieved on 2010-03-29.
  18. Jones, Steve. Review: Raymond v Raymond. USA Today. Retrieved on 2010-03-30.
  19. Juzwiak, Rich. Review: Raymond v. Raymond. The Village Voice. Retrieved on 2010-03-31.
  20. Godfrey, Sarah. Review: Raymond v Raymond. The Washington Post. Retrieved on 2010-03-30.
  21. a b c d e f Usher — Raymond v. Raymond (em Dutch) ultratop.be ULTRATOP & Hung Medien / hitparade.ch. Visitado em 2010-07-04.
  22. Top 40 Urban Albums & Singles Chart Australian Recording Industry Association. Visitado em 2010-06-27.
  23. a b c Usher — Raymond v. Raymond > Charts Billboard. Visitado em 2010-08-04.
  24. Usher — Raymond v. Raymond dutchcharts.nl Hung Medien / hitparade.ch. Visitado em 2010-07-04.
  25. a b c Album Performance: Raymond v. Raymond. acharts. Retrieved on 2010-05-10.
  26. Usher — Raymond V Raymond greekcharts.com Hung Medien. Visitado em 2010-07-11.
  27. Official Retail Sales Chart - Top 100 (em Polish) Polish Music Charts ZPAV. Visitado em 2011-10-22.
  28. Archive Chart — Scottish Albums Chart The Official Charts Company (May 8, 2010). Visitado em April 3, 2011.
  29. Radio Sonder Grense Rsg.co.za. Visitado em 2010-05-07.
  30. Music Charts — Official Music Chart Theofficialcharts.com. Visitado em 2010-05-07.
  31. UK Top 40 RnB Albums — 8th May 2010. Official Charts. Retrieved on April 5, 2011.
  32. Billboard 200 Billboard Prometheus Global Media (2010). Visitado em 2010-12-19.
  33. Billboard Top R&B/Hip-Hop Albums Billboard Prometheus Global Media (2010). Visitado em 2010-12-19.
Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Usher é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.