Reação de Bosch

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A reação de Bosch (AO 1945: reacção de Bosch) é uma reação química entre o dióxido de carbono e o hidrogênio que resulta em grafite, água e calor, expressa pela seguinte equação:

CO2(g) + 2H2(g)C(s) + 2H2O(l)

A reação de Bosch se dá em duas etapas: a primeira, a reação de deslocamento do gás d’água, é a mais rápida:

CO2 + H2CO + H2O

A segunda controla a taxa de reação:

CO + H2C + H2O

A reação total produz 2.3 x 10^3 joules para cada grama de carbono produzido a 650°C. As temperaturas de reação são da ordem de 450°C a 600°C e pode ser acelerada na presença de catalisadores de ferro, cobalto ou níquel. A produção do carbono tente a obstruir a superfície do catalisador, diminuindo a eficiência da reação.

Junto com a reação de Sabatier, a reação de Bosch é considerada como um meio de remoção do dióxido de carbono e para a geração de água limpa a bordo da estação espacial, além da produção de grafite para uso em datação por carbono no espectômetro de massa.

Ícone de esboço Este artigo sobre Química é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.