Red clump

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2012).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Diagrama de Hertzsprung-Russell ilustrando a evolução das estrelas de diferentes massas. O red clump está assinalado com a sigla RC acima da linha verde, que representa a evolução de uma estrela de 2 massas solares.

O red clump (agrupamento vermelho, em tradução livre) é uma formação no diagrama de Hertzsprung-Russell das estrelas. O red clump é considerado o equivalente de alta metalicidade do ramo horizontal. Estrelas nessa área do diagrama de Hertzsprung-Russell são às vezes denominadas gigantes do clump. Essas estrelas são mais luminosas que as estrelas da sequência principal de temperatura superficial semelhante (e portanto mais frias que estrelas da sequência principal de luminosidade comparável) ou acima e à direita no diagrama de Hertzsprung-Russell. Esse período na evolução estelar corresponde à fase da queima do hélio no núcleo, ao passo que as estrelas da sequência principal se encontram na fase da queima do hidrogênio no núcleo.

Teoricamente, as luminosidades absolutas das estrelas no red clump independem em grande parte da composição estelar ou idade, de modo que elas constituem boas velas padrão para a estimativa de distâncias astronômicas, seja dentro da Via Láctea, seja em galáxias e aglomerados próximos.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]