Relações internacionais da Palestina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Brasão da Autoridade Nacional Palestina

As relações exteriores da Autoridade Nacional Palestina surgiram com a Declaração de Independência da Palestina, que levou ao reconhecimento do país por 109 estados e ao renomeamento da missão da ONU de PLO para "Palestina". Após a formação da Autoridade Palestina, muitos países trocaram embaixadas e delegações com ela.

Alguns países (como Canadá e Reino Unido) tinham relações com a ANP mas não reconhecem o estado da Palestina.

Países que reconhecem o estado da Palestina[editar | editar código-fonte]

Reconhecedores do Estado da Palestina destacados em verde escuro.

De 109 a 116 países reconhecem o Estado da Palestina, e 12 mais possuem alguma forma de estatuto diplomático ou delegação palestina, porém não dando total reconhecimento.1

A lista seguinte está em ordem alfabética por região.

Liga Árabe[editar | editar código-fonte]

  1. Arábia Saudita
  2.  Argélia
  3.  Bahrein
  4. Comores
  5. Djibouti
  6.  Egito
  7.  Emirados Árabes Unidos
  8. Iémen/Iêmen
  9.  Iraque
  10. Jordânia
  11. Kuwait
  12. Líbano
  13.  Líbia
  14. Mauritânia
  15.  Marrocos
  16. Omã
  17.  Catar
  18. Somália
  19. Sudão
  20.  Tunísia
  21.  Síria

África[editar | editar código-fonte]

  1.  Angola
  2.  Benim
  3. Botswana
  4.  Burkina Faso
  5.  Burundi
  6. Cabo Verde Cabo Verde
  7. Camarões
  8. Chade
  9.  Etiópia
  10. Gabão
  11. Gâmbia
  12. Gana
  13. Guiné
  14. Guiné-Bissau
  15. Guiné Equatorial
  16.  Madagáscar
  17. Mali
  18. Maurícia
  19.  Moçambique
  20. Namíbia
  21. Níger
  22. Nigéria
  23. República Centro-Africana
  24. República do Congo
  25.  República Democrática do Congo
  26. Ruanda
  27.  São Tomé e Príncipe
  28. Senegal
  29. Seychelles
  30. Serra Leoa
  31. Suazilândia
  32. Tanzânia
  33. Togo
  34. Uganda
  35.  Zâmbia
  36.  Zimbabwe

Ásia[editar | editar código-fonte]

  1.  Afeganistão
  2.  Brunei
  3.  Butão
  4. Camboja
  5.  China
  6. Coreia do Norte
  7. Filipinas
  8.  Índia
  9. Indonésia
  10.  Irã
  11. Laos
  12.  Malásia
  13. Maldivas
  14. Mongólia
  15. Nepal
  16. Paquistão
  17. Sri Lanka
  18.  Vietname

Europa[editar | editar código-fonte]

  1.  Albânia
  2.  Áustria
  3.  Bielorrússia
  4.  Bósnia e Herzegovina}2
  5.  Bulgária
  6.  Chipre
  7.  Hungria
  8.  Malta
  9.  Montenegro3
  10.  Polónia
  11.  República Checa
  12.  Roménia
  13.  Rússia
  14.  Sérvia4
  15.  Turquia
  16.  Ucrânia
  17. Vaticano

Américas[editar | editar código-fonte]

  1.  Argentina5
  2.  Bolívia6
  3.  Brasil5
  4. Costa Rica7
  5.  Cuba
  6. Equador6
  7. Guiana
  8. Nicarágua
  9.  Venezuela
  10.  Chile8

Oceania[editar | editar código-fonte]

  1.  Vanuatu

References[editar | editar código-fonte]

  1. Palestinian National Authority: International Recognition of the State of Palestine
  2. Palestinian embassy in Bosnia and Herzegovina
  3. Ministar inostranih poslova Miodrag Vlahović primio ambasadora Palestine u Beogradu Mohameda Nabhana
  4. FOREIGN DIPLOMATIC&CONSULAR MISSIONS ON RESIDENTAL AND NONRESIDENTAL BASIS
  5. a b Após Brasil, Argentina reconhece Estado palestino com fronteiras de 1967
  6. a b Após Bolívia, Equador também reconhece Estado palestino
  7. Associated Press: Costa Rica recognizes 'Palestine'
  8. [1]