Relatividade da simultaneidade

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Relatividade da simultaneidade é um conceito na relatividade especial, na qual se definem como simultâneos dois eventos em um referencial inercial se a luz (visível ou qualquer radiação eletromagnética) emitida por esses eventos for simultaneamente observada por um observador situado em um ponto equidistante à posição dos dois eventos.

Desta definição, resulta que em relatividade especial, dois eventos simultâneos em relação a um determinado referencial inercial não serão simultâneos em relação a qualquer outro referencial que esteja em movimento em relação ao primeiro.

Ou, em outras palavras:

Dois eventos que são simultâneos em um referencial não são simultâneos em nenhum outro referencial inercial que esteja em movimento em relação ao primeiro.

Deve-se observar que esta definição só é adequada a situações da mecânica clássica.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre física é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.