Religião no México

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

De acordo com a Constituição de 1917, o México não possui uma religião oficial. Mesmo assim o cristianismo é professado pela grande maioria da população do país, 92,4%, segundo o censo de 2010.

Entre os cristãos, destacam-se os católicos que são 82,7% dos mexicanos, fazendo do México o segundo país em número de fiéis desta religião, perdendo para o Brasil mas superando as Filipinas e os Estados Unidos. Os protestantes vêm em segundo lugar, constituindo 7,5% da população, outros cristãos representam 2,3%; os sem religião somam 4,7%; e as outras religiões(Igreja Ortodoxa, judaísmo, islamismo, espiritismo, religiões étnicas etc.) somam 2,9% da população.

Grupos religiosos[editar | editar código-fonte]

Bahá'í[editar | editar código-fonte]

A disseminação da Fé Bahá'í no México teve início em 1916 com a visita dos bahá'ís pela primeira vez, tendo sido um dos primeiros países do continente americano a receber adeptos desta crença. Em 1919, `Abdu'l-Bahá, líder da religião, mencionou o México como um dos países que deveriam receber instituições Bahá'ís. Em 1938, foi estabelecida a Assembléia Espiritual Local não somente do México, mas também de toda a América Latina. Em 1961, com o número crescente de adeptos em solo mexicano, foi formada a primeira comunidade nacional Bahá'í. O censo de 2005 apontou para a estimativa de 38.000 Bahá'ís no México.

Budismo[editar | editar código-fonte]

Budistas da Cidade do México.

Há aproximadamente 30 grupos budistas no México, um total de 108.701 budistas mexicanos. A difusão do Budismo teve início na década de 1960 na Cidade do México. O país sedia ainda uma das seis Casas Tibet em todo o mundo; Esta associação é utilizada pelo Dalai Lama para difundir e preservar as tradições do Budismo tibetano no país. Ao todo, os budistas correspondem a 0,09% da população mexicana. Mas tambem budaismo é so para os meninos mais ricos

Cristianismo[editar | editar código-fonte]

Catolicismo

O Cristianismo chegou ao México no século XVI através dos missionários que participaram da expedição de Hernán Cortés. Logo após a derrubada dos astecas, a metrópole espanhola e o Vaticano ordenaram a construção de igrejas para difundir a religião europeia no Novo Mundo. Até os dias atuais, a Igreja Católica é a religião predominante no país e exerce influência sobre a cultura e opinião geral. O México é berço de dois santos católicos (Filipe de Jesus e Juan Diego Cuauhtlatoatzin); sua padroeira é Nossa Senhora de Guadalupe. Atualmente os católicos romanos correspondem a 82,7% da população mexicana, tendo obtido uma queda desde o censo de 1970, quando representavam 96% da população. Em termos absolutos, o México é o segundo maior país em número de católicos no mundo, sendo ultrapassado somente pelo Brasil.

Censo de 2010[editar | editar código-fonte]

O censo de 2010, realizado pelo Instituto Nacional de Estatística e Geografia, apontou o catolicismo romano como a principal religião do país, com 82,7%(83,9% dos que têm mais de 5 anos de idade) da população, enquanto 9,7%, ou 10.924.103 pessoas, pertencem a outras denominações cristãs, incluindo os evangélicos (5,1%), pentecostais (1,6%); outros protestantes ou reformados (0,7%); Testemunhas de Jeová (1,4%); adventistas do sétimo dia (0,6%); e a Igreja Mórmon SUD (0,3%). 172.891 (ou menos de 0,2% da população) pertencia a outras religiões não-cristãs; 4,7% declararam não ter religião; e 2,7% não especificaram.

Os 92.924.489 de católicos no México são, em termos absolutos, a segunda maior comunidade católica do mundo, depois da do Brasil. 47% deles frequentam os serviços religiosos semanalmente. Cada cidade, vila e aldeia mexicana tem um dia de festa por ano para comemorar os seus santos padroeiros locais. O dia da festa da Nossa Senhora de Guadalupe, a padroeira do México, é comemorado em 12 de dezembro e é considerado por muitos mexicanos como o mais importante feriado religioso de seu país.

Os números a seguir são do censo de 2010 no México1 .

Grupo religioso Número total de adeptos Percentagem(%)
Católicos 92.924.489 82,7%
Protestantes 8.386.207 7,5%
- Protestantes históricos ou reformados 820.744 0,7%
- Pentecostais 1.782.021 1,6%
- Não Pentecostais 5.783.442 5,1%
Outros cristãos 2.537.896 2,3%
Ortodoxos 18.185 0,02%
Judeus 67.476 0,1%
Islâmicos 3.760 0,003%
Religiões de raízes étnicas 27.839 0,02%
Espíritas 35.995 0,03%
Outras religiões minoritárias 19.636 0,02%
Sem religião 5.262.546 4,7%
Não especificada 3.052.509 2,7%
Total 112.336.538 100%

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

http://www.censo2010.org.mx/ | Página do instituto de estatísticas do México.