República Croata da Herzeg-Bósnia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cuidado:: Valor não especificado para "continente"


Hrvatska Republika Herceg-Bosna
República Croata de Herzeg-Bósnia
Flag of SFR Yugoslavia.svg
1991 – 1994 Flag of Bosnia and Herzegovina (1992-1998).svg
Flag Brasão
Bandeira Brasão
Capital Mostar
Língua oficial croata
Governo República
Presidente Mate Boban
História
 • 1991 Fundação
 • 1994 Dissolução

A República Croata da Herzeg-Bósnia (em croata: Hrvatska República Herceg-Bosna) foi uma entidade não-reconhecida na República da Bósnia e Herzegovina e que existiu entre 1991 e 1994 durante a Guerra da Bósnia. Foi proclamada em 18 de novembro de 1991 sob o nome Comunidade Croata de Herzeg-Bósnia, e alegou ser separada ou distinta "política, cultural, econômica e territorialmente" do território da Bósnia e Herzegovina. [1] O Tribunal Penal Internacional para a antiga Jugoslávia (TPIJ) concluiu que a República Croata da Herzeg-Bósnia foi fundada com a intenção de se separar da República da Bósnia e Herzegovina e se unir à Croácia. [2] Estas aspirações, apoiadas pela República da Croácia, foram manifestadas, entre outras coisas, pelo uso na Herzeg-Bósnia da moeda croata e da língua croata e à concessão pela República da Croácia, da nacionalidade croata para os croatas da Bósnia e Herzegovina [1] . O Tribunal Constitucional da República da Bósnia e Herzegovina declarou a Comunidade Croata de Herzeg-Bósnia ilegal em 14 de setembro de 1992. [1] Nem a auto-proclamada Comunidade Croata de Herzeg-Bósnia, nem a posterior auto-proclamada República Croata da Herzeg-Bósnia nunca foram reconhecidas internacionalmente [1] . A Herzeg-Bósnia deixou de existir em 1994, quando foi remetida para a Federação da Bósnia e Herzegovina, após a assinatura do Acordo de Washington pelas autoridades da Croácia e da Bósnia e Herzegovina.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d ICTY - Mladen Naletilic and Vinko Martinovic judgment.
  2. ICTY - Kordic and Cerkez judgment - E. The Parties’ Cases and Trial Chamber Findings. "Having considered all the evidence on this topic, the Trial Chamber rejects that given on behalf of the Defence and finds that the weight of the evidence and all the circumstances point to the conclusion that the HZ H-B was founded with the intention that it should secede from Bosnia and Herzegovina and with a view to unification with Croatia."