Resfriamento radiante

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Resfriamento radiante (português brasileiro) ou Arrefecimento radiante (português europeu) é o processo pelo qual um corpo perde o calor por radiação. No caso do sistema da atmosfera da Terra, ele se refere ao processo pelo qual radiação de grande comprimento de onda, radiação infravermelha, é emitida balanceando a absorção de energia dos comprimentos de onda mais curtos (luz visível) oriundos do Sol.

O processo exato pelo qual a Terra perde calor é mais complexo do que muitas vezes retratado. Em particular, o transporte convectivo de calor, evaporação e transporte de calor latente são todos importantes na remoção de calor da superfície e redistribuindo-o na atmosfera. Puro transporte radiante é mais importante em altitudes superiores. A variação diurna e geográfico complementa a complexidade do quadro.[1] [2] [3] [4] [5]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Eriksonn, T. S., Granquist C, G., 1982, Radiative cooling computed for model atmospheres. Applied Optics Vol.21 No. 23.
  2. Goforth, M. A., Gilcrest, G. W., Sirianni, J. D. 2002, Cloud Effects on Thermal Downwelling Sky Radiance. SPIE Vol. 4710.
  3. Hamberg, I., Svensson, J. S. E. M., Eriksson, T. S., Granquist, C. G., Arrenius, P., Norin, F. 1987, Radiative cooling and frost formation on surfaces with different thermal emittance: theoretical analysis and practical experience. Applied Optics Vol. 26 No. 11.
  4. Richard P. Allan; Variability in clear-sky longwave radiative cooling of the atmosphere; JOURNAL OF GEOPHYSICAL RESEARCH, VOL. 111, D22105, doi:10.1029/2006JD007304, 2006.
  5. C.-H. Sui, et al.; Effects of radiative cooling on the tropical convective response to sea surface temperature: 2-D large domain cumulus ensemble simulations; JOURNAL OF GEOPHYSICAL RESEARCH, VOL. 113, D08116, 9 PP., 2008; doi: 10.1029/2007JD008557

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]