Resilência

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

NÃO EXISTE RESILÊNCIA ver o verbete corretamente em: Resiliência (psicologia).

Na área da psicologia a resiliência é usada como a capacidade do indivíduo adaptar-se de maneira positiva diante de situações adversas, mantendo seu desenvolvimento normal e recuperando-se dos efeitos estressores. Ou seja, a forma como cada um lida com situações como morte de uma pessoa querida, a separação, a traição de um parceiro, um assalto, um sequestro, um abuso sexual, uma perseguição racial, etc.

Esta qualidade de seguir em frente e sair fortalecido de uma crise tem feito com que a medicina se interrogue por que alguns são mais resistentes que outros. Tem sido detectado alguns fatores protetores como: os traços de personalidade; a maturidade; a capacidade de manejar as próprias emoções; a capacidade de lidar com ocorrências adversas e estressantes.

Ao aceitar as circunstâncias que não podem ser mudadas pode ajudar a concentrar-se sobre as que se pode alterar. O melhor é agir em lugar de se afastar completamente dos problemas, querendo que eles desapareçam. As pessoas podem aprender algo sobre si mesmas como resultado de suas lutas com perdas.

Desenvolvendo a confiança a auto-estima o bom humor em sua habilidade para resolver problemas e valorizar seus instintos que irá ajudar a construir a resiliência.

Resumindo, resiliência é a capacidade de psicoadaptação de cada ser humano. Adaptar a sua psique às mudanças da vida sempre com retorno positivo. Diz-se de que tem a resiliência: é uma pessoa resiliente. Sinônimo: resiliência.

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.