Revolta dos Panthay

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Revolta dos Panthay
Capture of the Provincial Capital Dali, Yunnan.jpg
Representação da conquista de Dali em 1872 pela China
Data 1856-1873
Local China
Desfecho Vitória da dinastia Qing
Queda de Pingnan Guo
Enfraquecimento da Dinastia Qing
Combatentes
Flag of the Qing dynasty (1862-1889).png Dinastia Qing Pingnan Guo
Principais líderes
Cen Yuying
Ma Rulong(A.K.A. Ma Julung)
Du Wenxiu
Ma Shenglin
Ma Shilin
Vítimas
1,000,000 includindo civis e soldados

A Revolta dos Panthay ou Rebelião Panthay (1856-1873), conhecida em chinês como Rebelião Wenxiu Du (chinês simplificado: 杜文秀起义; chinês tradicional: 杜文秀起義; pinyin: Dù Wénxiù qǐyì) foi um movimento separatista do povo Hui e outras minorias étnicas não muçulmanas contra a Dinastia Qing, no sudoeste da província de Yunnan na China, como parte de uma onda de distúrbios multi-étnicos liderados pelos Hui.

O nome "Panthay" é uma palavra birmanesa, que é dito ser idêntica com a palavra Shan, Pang hse.[1] Foi o nome pelo qual os birmaneses denominavam os muçulmanos chineses que vieram com caravanas para a Birmânia a partir da província chinesa de Yunnan. O nome não era usado ou conhecido na própria Yunnan .[2]

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Essaios, estudos

Artigos (em jornais, revistas etc.)