Riade

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde junho de 2009). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Riade
الرياض ar-Riyāḍ'
Panorâmica de Riade
Panorâmica de Riade
Brasão oficial de Riade
Brasão
Riade está localizado em: Arábia Saudita
Riade
Localização de Riade ( Arábia Saudita)
Coordenadas 24° 38' N 46° 43' E
País Arábia Saudita
Câmara de Riade Abdul Aziz ibn 'Ayyaf Al Migrin
Área  
  Urbana 1000 km²
  Metropolitana 1554 km²
População  
  Cidade (2007) 7.900.000
    Densidade   3.024/km²
  Urbana 5.853.912
  Metro 6.188.000
Fuso horário +3 (UTC+3)
Website: www.arriyadh.com

Riade[1] ou Riad (em árabe: الرياض‎, transl. Ar Riyāḍ, AFI: [irriˈjɑːdˤ]; lit. "Os Jardins") é a capital e maior cidade da Arábia Saudita. É igualmente a capital da província de Riade e pertence às regiões históricas de Nejd e Al-Yamama. Situa-se no centro da península Arábica, num grande oásis, e é habitada por mais de 4 260 000 pessoas,sendo que sua região metropolitana abriga aproximadamente 7 milhões.

A cidade está dividida em 15 distritos municipais, governados pela câmara municipal de Riade, liderada pelo presidente da câmara de Riade e pela Autoridade de Desenvolvimento de Riade, chefiada pelo governador da província de Riade, o príncipe Salman bin Abdulaziz.

O actual[quando?] presidente da câmara de Riade é Abdul Aziz ibn Ayyaf Al Migrin, indicado em 1998.

Situa-se a cerca de 400 quilómetros do golfo Pérsico. É o centro administrativo, cultural e financeiro do reino, e ocupa uma superfície de 1 554 km².

Apesar de estar localizada numa zona árida, há registro de precipitações esporádicas.

História[editar | editar código-fonte]

Pré idade contemporânea[editar | editar código-fonte]

Durante a era pré-islâmica,o sítio era chamado Hajr (em árabe: حجر), e teria sido fundada pela tribo dos Bani Hanifa.[2] Hajr serviu como a capital da província de Al Yamamah, cujos governadores eram responsáveis pela maior parte da Arábia Central e Oriental durante os califados Omíada e Abássida. Al-Yamamah rompeu com o Império Abássida em 866 e a área ficou sob o domínio dos ukhaydhiritas, que mudaram a capital de Hajr para a vizinha Al Kharj. A cidade então entrou em um longo período de declínio. No século XIV,um viajant norte-africano chamado Ibn Battuta escreveu sobre sua visita a Hajr, descrevendo-a como "a principal cidade de Al-Yamamah, e seu nome é Hajr".

Ibn Battuta passa a descrevê-la como uma cidade de canais e árvores com a maioria de seus habitantes pertencentes a Bani Hanifa, e relata que ele continuou com o seu líder a Meca para realizar o Hajj.

Mais tarde, Hajr dividiu-se em vários assentamentos e propriedades distintas. O mais notável destes foram Migrin (ou Muqrin) e Mi'kal, embora o nome Hajr continuou a aparecer na poesia popular local. A primeira referência conhecida a área pelo nome Riade vem de um cronista do século XVIIem relatórios sobre um evento acontecido em 1590. Em 1737, ibn Deham Dawwas, um refugiado da Manfuha vizinha, tomou o controle de Riade. Ibn Dawwas construiu uma única parede para cercar os diferentes bairros de Riade, tornando-os efetivamente uma única cidade.

Os três estados Sauditas[editar | editar código-fonte]

Em 1744, Muhammad ibn Abdel Wahhab formou uma aliança com Muhammad ibn Saud, o governador da cidade vizinha de Diriyah. Ibn Saud, em seguida, partiu para a conquista da região circundante, com o objetivo de trazê-la a seu o domínio, com o objetivo maior de criar um único Estado islâmico. Ibn Dawwas de Riad liderou a resistência mais acirrada, aliado com as forças de Al Kharj, Al Ahsa e Banu Yam,do clã de Najran.

Castelo de Al Masmak

No entanto, Ibn Dawwas fugiu e Riyadh capitulou aos sauditas em 1774, terminando os longos anos de guerras, que deram origem à declaração do Primeiro Estado Saudita.

O primeiro Estado Saudita foi destruído por forças enviadas por Muhammad Ali do Egito, agindo em nome do Império Otomano. As forças Otomanas arrasaram a capital da Arábia, Diriyah, em 1818. Em 1823, Turki Ibn Abdallah, o fundador do Segundo Estado Saudita, reavivou o estado e escolheu Riade como a nova capital.Lutas internas entre os netos de Turki levaram à queda do Segunda Estado Saudita em 1891 pelas mãos de Al Rashid,o clã rival, que governou a cidade de Ha'il. Riade próprio caiu sob o domínio dos Al Rashid em 1865.O castelo de al-Masmak data deste período.

A cidade foi recapturada em 1902 dos Al Rashid pelo rei Abdulaziz Ibn Saud Foi ele quem estabeleceu o moderno reino da Arábia Saudita em 1932, quando Riade se tornou a capital da nação.

Geografia[editar | editar código-fonte]

População[editar | editar código-fonte]

A cidade experimentou um altíssimo crescimento desde seus 150 000 habitantes nos anos 1960 até chegar nos atuais 7 milhões.

Ano População
1918 18,000
1924 30,000
1944 50,000
1952 80,000
1960 150,000
1972 500,000
1974 650,000
1978 760,000
1987 1,389,000
1990 2,110,000
1992 2,776,000
1997 3,100,000
2001 4,137,000
2008 6,590,000
Est 2010 7,000,000

Clima[editar | editar código-fonte]

No verão as temperaturas são muito altas, de aproximadamente 50 graus Celsius. A temperatura máxima média em julho é de 43,5°C.Os invernos são amenos com noites frias e ventosas. O clima geral é árido, recebendo muito pouca chuva. Também é conhecido por ter muitas tempestades de poeira. A poeira é tão densa que a visibilidade é inferior a 10 metros.[3]

Municípios e distritos[editar | editar código-fonte]

Riade é dividida em 15 municípios[4] [5] ,sendo que alguns distritos estão inseridos em mais de um município.

Esses municípios são: Al-Shemaysi, Irqah, Al-Ma'athar, Al-Olayya, Al-Aziziyya, Al-Malaz, Al-Selayy, Nemar, Al-Neseem, Al-Shifa, Al-'Urayja, Al-Bat'ha, Al-Ha'ir, Al-Rawdha, and Al-Shimal ("O Norte").Embora a Autoridade de Desenvolvimento de Riade conduza projetos em Al-Diriyah, administrativamente, Al-Diriyah é uma cidade à parte, fora do Município de Riade, sendo a sede de sua própria governadoria.[6] Segundo o site da Câmara Municipal de Riade, a cidade possui mais de 130 distritos[7] [8]

Exemplos de alguns dos principais distritos de Riade:

Olaya District é o coração comercial da cidade, com lojas, restaurantes, entretenimento e opções de compras. O Center Kingdom, Al Faisalyah e a Al-Tahlya Street são os marcos mais proeminentes da área.

O quarteirão Diplomático, DQ como é popularmente conhecido, é lar de embaixadas estrangeiras e organizações internacionais, bem como estruturas residenciais e shopping centers. Com jardins exuberantes e numerosas instalações desportivas, é também uma das áreas mais verdes da cidade. É especialmente conhecida por sua arquitetura fina, e é considerado um modelo para outras cidades islâmicas em todo o mundo.

Apesar do nome, os privilégios especiais oferecidos no Bairro Diplomático constitui uma questão controversa. Todas as leis sauditas devem ser obedecidas e há patrulhas ocasionais pelo Mutaween, a polícia religiosa saudita. No entanto, aos diplomatas estrangeiros e suas famílias são permitidos certos privilégios e não é muito raro ver diplomatas estrangeiros e suas esposas passeando nas ruas da DQ, de bermudas e camisas de manga curta.

Economia[editar | editar código-fonte]

King Fahd Road, no centro da cidade.

Riade tem experimentado um forte crescimento econômico nas últimas décadas, decorrente da exploração petrolífera nacional e da participação árabe no cenário externo. Além de ser o centro político do país, Riade também a cidade mais desenvolvida no campo econômico e industrial. Desde a descoberta de jazidas de petróleo, o governo saudita têm investido no setor privado através de mecanismos de privatização das indústrias relacionadas a comunicação, entre outras.

Outro fator que contribui pesado para o crescimento econômico de Riade é o Aeroporto Internacional King Khalid, que também pode abrigar programas de lançamento de ônibus espaciais da NASA.

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Riade
  1. Lusa, Agência de Notícias de Portugal. Prontuário Lusa. Visitado em 10 de outubro de 2012.
  2. History of Riyadh at www.arriyadh.com
  3. http://www.pme.gov.sa/Riyadh%20Old.htm
  4. a b c d Official Website of the Riyadh Municipality – Interactive Map of Riyadh's branch municipalities [1] (Arabic)
  5. Mapa de Riade publicado pelo Município de Riade, mostrando os seus distritos [2], no site da Universidade Rei Saud (árabe)
  6. Website of the Governorate of Al-Dir'iyyah
  7. Official Website of the Riyadh Municipality – Interactive Map of Riyadh's branch municipalities [3] (see first drop-down list on right side)
  8. Official Website of the Riyadh Municipality – Subpage of each branch municipality contains list of districts. [4] (Arabic). Alguns distritos não estão listados mas estão documentados pelos mapas municipais, e.g. [5]
  9. a b Official website of Riyadh Municipality – Al-Bat'ha subpage
  10. Official website of Riyadh Municipality – Nemar subpage
  11. Official website of Riyadh Municipality – Al-Shemaysi subpage
  12. Official website of Riyadh Municipality – Al-Ma'athar subpage
  13. Official website of Riyadh Municipality – Al-Aziziyya subpage
  14. Official website of Riyadh Municipality – Al-Malaz subpage
  15. Official website of Riyadh Municipality – Al-Shifa subpage
  16. Official website of Riyadh Municipality – Al-'Urayja subpage
  17. Official website of Riyadh Municipality – Al-Shemal subpage
  18. Official website of Riyadh Municipality – Al-Naseem subpage
  19. Official website of Riyadh Municipality – Al-Selayy subpage
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Arábia Saudita é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.