Ricardo Azevedo (cantor)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Ricardo Azevedo
Informação geral
Nascimento 15 de Janeiro de 1977
Origem Espinho
País  Portugal
Gênero(s) pop-rock
Instrumento(s) Voz, Guitarra e viola
Gravadora(s) Fábrica de Canções
Afiliação(ões) EZ Special
Página oficial www.ricardoazevedo.com

Ricardo Azevedo (Espinho, 15 de Janeiro de 1977) é um cantor pop-rock português

Biografia[editar | editar código-fonte]

Ricardo Azevedo nasceu em Espinho, mas foi viver muito novo com os pais para Santa Maria da Feira, concelho onde ainda reside. Foi a mãe que o incentivou a entrar no mundo da música (tocar viola e a cantar).

Foi membro de várias bandas efémeras de Santa Maria da Feira, entre 1991 e 1999. Em 2000, fundou a banda EZ Special, como vocalista, onde permaneceu até finais de 2006 cantando em inglês. Depois de vários temas em Nº1 de Airplay, festivais de verão, coliseus e mais de 300 concertos, decidiu partir para uma carreira a solo, compondo e cantando canções em português.

Em 2007, publica o seu primeiro álbum a solo Prefácio, em que todas as canções têm letra e música de Ricardo Azevedo. Um dos temas mais popular deste trabalho foi "Pequeno T2" em que fala de um jovem que, vivendo com uma rapariga, decide procurar uma casa para uma vida comum num andar com duas assoalhadas, pondo a sua "vida de pernas para o ar", como diz no refrão da canção. Foi uma estreia em grande, pois foi cara de uma entidade bancária com o seu "Pequeno t2" e obteve umas das canções mais rodadas na rádio em 2008, com o tema "Entre o sol e a lua". Neste disco, concretizou um sonho antigo, ao cantar em dueto com o Rui Veloso no tema "Os meus defeitos".

15 de Junho de 2009 é a data de saída do seu segundo álbum a solo, O Manual do Amor, um trabalho que teve como tema de apresentação "Beijo (O Lado Mais Puro)". Retirou também o tema "Luz Fraca" e "Somos dois espaços".[1]

Em 2009 foi convidado pela artista internacional "Anastacia" para fazer as suas primeiras partes.

O canal Biography Channel escolheu em 2010, oito fenómenos musicais nacionais para protagonizarem uma série intitulada “Playlist” e Ricardo Azevedo foi um dos homenageados.

A 14 de Julho de 2012, lançou o seu terceiro disco de originais intitulado "Frente e verso". A apresentação foi no Castelo de Santa Maria da Feira, num ambiente de sonho. O disco entrou directamente para o top nacional de vendas. O primeiro single foi "O amor não me quer encontrar" e integrou a novela da TVI "Louco Amor".

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio a solo[editar | editar código-fonte]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Novais, Sara: Notícia. in Palco Principal SAPO Palcoprincipal.sapo.pt. Visitado em 26 de Maio de 2009.
  2. Fonoteca Municipal de Lisboa Câmara Municipal de Lisboa. Visitado em 26 de Maio de 2009.
  3. Fonoteca Municipal de Lisboa Câmara Municipal de Lisboa. Visitado em 26 de Maio de 2009.
  4. Fonoteca Municipal de Lisboa Câmara Municipal de Lisboa. Visitado em 26 de Maio de 2009.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre um cantor é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.