Rick Husband

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rick Husband
Richard_Husband%2C_NASA_photo_portrait_in_orange_suit.jpg

Astronauta da NASA
Nacionalidade Povo dos Estados Unidos norte-americano
Nascimento 12 de julho de 1957
Amarillo, EUA
Morte 1 de fevereiro de 2003 (45 anos)
Espaço aéreo dos EUA
Tempo no espaço 25d 17h 33m
Missões STS-96, STS-107
Insígnia
da missão
Sts-96-patch.png STS-107 Flight Insignia.svg

Richard “Rick” Douglas Husband (Amarillo, 12 de julho de 1957 – Espaço aéreo dos EUA, 1 de fevereiro de 2003) foi um astronauta norte-americano, comandante do ônibus espacial Columbia, que se desintegrou na reentrada da atmosfera após a missão STS-107, matando toda a tripulação, em 1 de fevereiro de 2003.

Formado em engenharia mecânica, Husband se graduou como segundo-tenente na Força Aérea dos Estados Unidos e fez curso de treinamento em diversas aeronaves, pilotando principalmente caças F-104 Phantom, F-15 e Tornado, baseado na Flórida, Geórgia e Califórnia, acumulando 3800 horas de voo em 40 tipos diferentes de aeronaves.

Entrou para a NASA em 1994 e passou um ano em treinamentos no Centro Espacial Johnson, trabalhando em melhorias técnicas do ônibus espacial e participando dos estudos técnicos para o retorno à Lua e missões à Marte.

Em 1999 passou dez dias no espaço como piloto do Columbia, na missão STS-96, o primeiro acoplamento feito entre um ônibus espacial e a então nascente Estação Espacial Internacional, começando os preparativos para receber a Expedição 1, que a ocuparia no ano seguinte. Em janeiro de 2003 recebeu o comando da missão STS-107, na mesma nave, para uma segunda missão em órbita, dedicada a dezenas de experiências em microgravidade, e que terminou de forma trágica no retorno à Terra.

Após sua morte, foi condecorado postumamente com a Purple Heart.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]