Right to Censor

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Right to Censor
Grupo
Membros Steven Richards (líder)
Bull Buchanan
The Goodfather
Val Venis
Ivory
Promoções WWF
Estreia Julho de 2000
Abandono Abril de 2001

The Right to Censor (também conhecida como RTC) foi um grupo ("stable") de wrestling profissional que lutou na World Wrestling Federation de meados de 2000 até o começo de 2001. O grupo era uma paródia da Parents Television Council ("Conselho Televisivo dos Pais"), que estava, na época, protestando pelo quantidade de conteúdo violento e sexual na programação da WWF, ameaçando boicotar diversos de seus patrocinadores. De acordo com a membro do grupo, Ivory, o escritor responsável pela ideia do grupo deixou a companhia antes do grupo se tornar ativo.

O uniforme do Right to Censor era uma camiseta branca com uma gravata preta, com sungas cinzas para os homens uma longa e cinza saia para as mulheres, parodiando um missionário mórmon.

História[editar | editar código-fonte]

Formação e rivalidades[editar | editar código-fonte]

O grupo se formou quando Steven Richards passou a aparecer aleatoriamente nos programas da WWF para cobrir os corpos das mulheres ou remover objetos perigosos das lutas, como mesas e cadeiras. Ele aparentemente se desagradou com a reputação dos Acolytes e desaprovou o uso de mesas dos Dudleys. Eventualmente, Bull Buchanan, The Goodfather (antes conhecido como Godfather), Val Venis e Ivory se juntaram a ele. O grupo temporariamente forçou The Kat a entrar no grupo, mas a lutadora foi demitida antes de que a história se concluísse.

O Right to Censor ("Direito de Censura") saiu vitorioso de pelo menos uma luta em todos os pay-per-views que participaram. No SummerSlam de 2000, Richards, Buchanan e The Goodfather venceram uma derrotaram Too Cool e Rikishi em uma luta de trios. No evento seguinte, Unforgiven, RTC (agora com Val Venis) derrotou Acolytes Protection Agency (APA) e os Dudley Boyz em uma luta de quartetos. Mesmo após The Goodfather e Bull Buchanan perderem um desafio dos Dudleys no No Mercy, Venis e Richards derrotaram Chyna e Mr. Ass em uma luta de duplas. Quando a Campeã Feminina Ivory juntou-se ao grupo, ela ganhou três lutas seguidas em pay-per-views. Ela derrotou Lita no Survivor Series, enquanto The Goodfather e Buchanan perderam uma luta Survivor Series Elimination. No Armageddon, Ivory saiu vitoriosa de uma luta Triple Threat contra Molly Holly e Trish Stratus, e Val Venis derrotou Chyna. Enquanto isso, Buchanan e The Goodfather perderam o World Tag Team Championship para Edge e Christian em uma luta entre quatro duplas. No Royal Rumble de 2001, Ivory derrotou Chyna; enquanto Buchanan, The Goodfather e Venis foram eliminados da luta Royal Rumble. No Way Out marcou a última vitória do RTC em um pay-per-view quando Steven Richards derrotou Jerry Lawler.

Separação[editar | editar código-fonte]

WrestleMania X-Seven foi o fim simbólico do Right to Censor, já que o grupo perdeu todas as lutas em que participaram, Buchanan, Venis e The Goodfather perderam uma uma luta de trios para a APA e Tazz, enquanto Ivory perdeu seu título para Chyna.

O grupo finalmente se separou após Steven Richards sofrer um Last Ride de The Undertaker. The Goodfather, Buchanan e Val Venis foram embora, o deixando sozinho no ringue. Depois disso, os membros do grupo ficaram fora da televisão por um tempo, até que Richards se tornou um vilão e Bull Buchanan se tornou (B-Squared), guarda-costas de John Cena antes de ser demitido.

Títulos e prêmios[editar | editar código-fonte]

Referências