RioFilme

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A RioFilme é uma distribuidora cinematográfica brasileira. Criada em novembro de 1992,a Riofilme é gerida pela Prefeitura do Rio de Janeiro.[1] .

Fundada para apoiar a produção e distribuição de cinema na cidade, foi revitalizada em 2009 com a missão de promover o desenvolvimento da indústria audiovisual carioca, levando em conta seus impactos econômicos e sociais na cidade.

Em 20 anos de atuação, foi fundamental para a revitalização do cinema brasileiro a partir dos anos 90, investindo no desenvolvimento, na produção e no lançamento de cerca de 250 longas, na produção de mais de 100 curtas e na realização de mais de 80 eventos.

Com a revitalização, deixou de ser apenas distribuidora e tornou-se uma investidora em produção, distribuição, exibição, infraestrutura, difusão e capacitação, atuando também em parceria com a iniciativa privada. Desde então, a Prefeitura investiu, por meio da RioFilme, cerca de R$ 100 milhões em 252 projetos de filmes, eventos, ampliação do acesso e capacitação.

A empresa também elevou sua receita, de cerca de R$ 1,5 milhão em 2008, para cerca de R$ 24 milhões no período de 2009 a 2012, dinheiro que será totalmente reinvestido no setor de audiovisual carioca através de novos programas de financiamento em Cinema e TV, Capacitação de profissionais do setor, implantação de novas salas do Cine Carioca, do Programa de Investimento Não Reembolsável. Em 2013, esse programa conta com sete linhas:Desenvolvimento de Longa-Metragem, Desenvolvimento de Conteúdo para TV, Produção de Curta-Metragem, Produção e Finalização de Longa-Metragem, Produção de Documentário para TV (em parceria com o Canal Brasil), Produção de Mostras, Festivais e Eventos de Audiovisual e Distribuição de Longa Metragem.

É também através da RioFilme que será feita a revitalização de parte do Polo de Audiovisual da Barra da Tijuca, que hoje conta com 8 estúdios e deve contar com 14 a partir do ano de 2016.

A empresa tem diversificado os investimentos e ampliado o seu alcance, multiplicou o número de projetos apoiados e de empresas beneficiadas, assim como o público impactado. A capacidade de investimento foi elevada e os resultados tornaram-se mais significativos, beneficiando a indústria audiovisual carioca e a população da cidade.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Riofilme - História - Sítio Oficial da Riofilme