Rio Atibaia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rio Atibaia
Rio Atibaia, no município de Campinas, São Paulo
Comprimento 165 km
Nascente Nazaré Paulista
Débito médio 31 m³/s
Foz Rio Piracicaba, no município de Americana
Área da bacia 2 931 km²
Afluentes
principais
Rio Cachoeira, Rio Atibainha
País(es) Brasil
País(es) da
bacia hidrográfica
Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai

O Rio Atibaia é um rio brasileiro do estado de São Paulo.

O rio Atibaia é formado pela junção dos rios Atibainha e Cachoeira, entre os municípios paulistas de Bom Jesus dos Perdões e Atibaia, sendo que as nascentes do rio Cachoeira encontram-se no estado de Minas Gerais.

O rio Atibaia abastece 75% da população da cidade de Atibaia, 95% da população da cidade de Campinas, entre outras. Jundiaí possui uma outorga para bombear água do rio Atibaia, usada durante a estiagem. Na altura da cidade de Americana, logo após passar por Paulínia, o rio Atibaia junta-se ao Jaguari para formarem o Rio Piracicaba.

Em certos trechos, o rio tem 20 metros de profundidade, 11 metros de largura, a cor de sua água é marrom, apresentando muitos sinais de poluição.

O rio recebe o excesso das águas represadas pelos Sistema Cantareira.

Seu nome é de origem tupi, Tybaia, sendo TY - baia (ou aia), que significa rio manso, de águas tranquilas, abundantes, agradáveis ao paladar. Até chegar ao nome Atibaia, o vocábulo passou por várias modificações: Thibaia, Atubaia, Thibaya, mas o significado continuou o mesmo, "manancial de água saudável".