Rio Buba

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde junho de 2014). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Rio Buba
Rio Buba com a cidade de Buba assinalada
Foz Oceano Atlântico
País(es) Guiné-Bissau

O Rio Buba é um dos rios mais importantes da Guiné-Bissau, também conhecido por Rio Grande de Buba ou Rio Grande de Bolola, que é normalmente referido na época dos descobrimentos portugueses apenas como Rio Grande.

É um rio navegável numa grande extensão, comunica com o Geba e passa na cidade de Buba. As suas margens são de grande fertilidade para a agricultura e ladeadas por florestas. Desagua no Oceano Atlântico junto à ilha de Bolama.

Ícone de esboço Este sobre a Guiné-Bissau é um esboço relacionado ao Projeto África. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

A navegabilidade do Rio Grande de Buba deve-se às sua características particulares. É relativamente profunda e pouco propenso a assoreamento. O leito é estável por assentar em base laterítico em quase toda a sua extensão navegável. Graças a estas características foi escolhido para a instalação de porto minério, perto da cidade de Buba, no âmbito do Projecto Bauxite Angola para escoamento do referido mineral, a partir das zonas de extracção da Guiné-Bissau e da República da Guiné por ser capaz de acomodar navios de grandes caladas. Está em discussão a possibilidade de construção de um Porto comercial para servir toda a sub-região in land próxima, caso do Mali e da parte oriental do Senegal.Erro de citação: </ref> de fecho em falta, para o elemento <ref></ref></ref>