Rio Dão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Dão
O rio perto de Santa Comba Dão
Comprimento 92 km
Nascente Eirado, Aguiar da Beira
Altitude da nascente 750 m
Caudal médio N/D m³/s
Foz Rio Mondego
(albufeira da barragem da Aguieira)
Altitude da foz 110 a 124,70 m
Área da bacia 1377 km²
País(es)  Portugal

O rio Dão é um rio português que nasce na freguesia de Eirado, mais propriamente na Barranha, concelho de Aguiar da Beira, Distrito da Guarda, na região dos planaltos de Trancoso-Aguiar da Beira, numa zona em que a altitude oscila entre os 714 metros e os 757 metros e que faz parte da Região do Planalto Beirão.

O seu percurso é feito no sentido Nordeste-Sudoeste e, ao longo dele, para além de ter a Barragem de Fagilde no seu fio de água, atravessa ou demarca os limites dos concelhos de Aguiar da Beira, Penalva do Castelo, Mangualde, Nelas, Viseu, Carregal do Sal, Tondela e Santa Comba Dão. Desagua no Rio Mondego, em plena albufeira da Barragem da Aguieira, nos limites dos concelhos de Santa Comba Dão, Mortágua e Penacova, depois de percorrer cerca de 92 quilómetros. Os seus principais afluentes são o Rio Carapito, Ribeira de Coja, o Rio Sátão, o Rio Pavia, Ribeira das Hortas e o Rio Criz. No seu vale, zona de altitude com solo granito, situa-se a Região Demarcada do Dão, da qual se destaca a produção de excelentes vinhos de mesa.

Afluentes[editar | editar código-fonte]

Barragens no rio Dão[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Rio Dão