Rio Don

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes (desde julho de 2014). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Rio Don
Bacia do Rio Don
Comprimento 1870 km
Nascente perto de Tula
Foz Mar de Azov
Área da bacia 425 600 km²
País(es)  Rússia

O Rio Don (Дон) é um dos maiores rios da Rússia. Nasce perto de Tula, na Rússia, encaminha-se para Sudeste, na direcção de Moscovo, e percorre uma distância de 1 950 km até desaguar no Mar de Azov.

A partir de sua nascente, o rio primeiramente flui para sudeste, em direção a Voronezh, depois para sudoeste em direção à sua foz. A principal cidade que atravessada pelo Don é Rostov do Don, e o seu principal tributário é o rio Donets.

História[editar | editar código-fonte]

O Don era visto, na Antiguidade, como o limite entre a Europa e a Ásia. Durante o período dos Citas ficou conhecido pelo nome de Tanaïs, e tem sido uma grande rota comercial desde sempre. Tanaïs é referenciada pelos antigos Gregos como o nome de um rio e de uma cidade atravessada pelo mesmo. O nome Tanaïs, entretanto, deriva da palavra cítia Dānu, "rio", raiz da moderna palavra em ossétio don, "rio".

Em seu ponto mais ao leste, o Don se aproxima do rio Volga, e o Canal Volga-Don (com extensão aproximada de 105 km) conecta os dois rios e é uma importante rota de navegação. A fortaleza Sarkel, dos cazares, dominava este ponto durante a Idade Média. Neste ponto do rio ocorreu a "Operação Urano", uma das que mudaram o curso da Segunda Guerra Mundial.

O Don deu o seu nome aos chamados cossacos do Don, que se fixaram no fértil vale do rio nos séculos XVI e XVII. Na literatura moderna, o rio aparece nos trabalhos de Mikhail Sholokhov, um cossaco de Veshenskaya.