Rio Mavuba

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rio Mavuba
Mavuba Lille Liverpool.JPG
Informações pessoais
Nome completo Rio Antonio Zoba Mavuba
Data de nasc. 8 de Março de 1984 (30 anos)
Local de nasc. Águas internacionais
Altura 1,71 m
Destro
Informações profissionais
Clube atual França Lille
Número 24
Posição Volante
Clubes de juventude
20022003 França Bordeaux
Clubes profissionais1
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
20032007
20072008
2008
França Bordeaux
Espanha Villarreal
França Lille
127 0000(1)
005 0000(0)
216 0000(4)
Seleção nacional3
20042006
2004
Bandeira da França França Sub-21
Bandeira da França França
020 0000(1)
013 0000(0)


1 Partidas e gols pelo clube profissional
contam apenas partidas das ligas nacionais,
atualizados até 20 de maio de 2014.


3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 15 de junho de 2014.

Rio Antonio Zoba Mavuba (águas internacionais, 8 de março de 1984) é um futebolista francês de origem angolana e congolesa que atua como volante. Atualmente, joga pelo Lille.

Ele é filho de uma angolana com um congolês. Seu pai, Mafuila Mavuba, também foi um futebolista, tendo defendido o Zaire na Copa do Mundo de 1974. Rio nasceu em pleno alto-mar; seus pais estavam em um bote, buscando refúgio da Guerra Civil Angolana. A família, posteriormente, se instalaria na França. Mas, até 2004, quando pôde adquirir a cidadania francesa, no passaporte de Rio não constava nenhuma nacionalidade, apenas que ele havia nascido em águas internacionais.[1]

No país de adoção, teve infância difícil, tendo perdido a mãe aos dois anos de idade e o pai, aos quatorze. Recebeu a cidadania pouco após iniciar a carreira de jogador (no Bordeaux, e o documento foi solicitado justamente por causa de uma competição, sendo necessário para que ele pudesse jogar pela Seleção Francesa sub-21. Chegou à equipe principal dos Bleus em 2006, mas só obteve maior reconhecimento na temporada 2010/11, quando foi o principal nome do título do Lille na Ligue 1, ajudando o LOSC a quebrar um jejum de meio século sem conquistas no campeonato.[1]

Referências

  1. a b El triunfo de la vida (julho de 2011). El Gráfico n. 4412. Revistas Deportivas S/A, p. 52
Bandeira de FrançaSoccer icon Este artigo sobre futebolistas franceses é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.