Rio Negrinho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Rio Negrinho
Bandeira de Rio Negrinho
Brasão de Rio Negrinho
Bandeira Brasão
Hino
Fundação 24 de abril de 1880 (134 anos)
Gentílico rio negrinhense[1]
Prefeito(a) Alcides Grohskopf (PMDB)
(2013–2016)
Localização
Localização de Rio Negrinho
Localização de Rio Negrinho em Santa Catarina
Rio Negrinho está localizado em: Brasil
Rio Negrinho
Localização de Rio Negrinho no Brasil
26° 15' 14" S 49° 31' 04" O26° 15' 14" S 49° 31' 04" O
Unidade federativa  Santa Catarina
Mesorregião Norte Catarinense IBGE/2008 [2]
Microrregião São Bento do Sul IBGE/2008 [2]
Municípios limítrofes Corupá, Doutor Pedrinho, Mafra, Rio dos Cedros, Rio Negro (PR), Itaiópolis e São Bento do Sul
Distância até a capital 260 km
Características geográficas
Área 908,391 km² [3]
População 41 060 hab. Censo IBGE/2013[4]
Densidade 45,2 hab./km²
Altitude 790 m
Clima temperado
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,738 alto PNUD/2010 [5]
PIB R$ 586 863,960 mil IBGE/2010[6]
PIB per capita R$ 14 292,85 IBGE/2010[6]
Página oficial

Rio Negrinho é um município brasileiro do Estado de Santa Catarina. Localiza-se a uma latitude 26º15'16" sul e a uma longitude 49º31'06" oeste, estando a uma altitude de 790 metros. Sua população era de 40.010 habitantes em 2011 segundo estimativa IBGE.

Possui uma área de 908,391 km².

Abastecimento de água
  • Número de ligações: 11.624
  • Número de usuários: 39.290

Economia[editar | editar código-fonte]

  • Móveis: 167
  • Madeireiras: 76
  • Construção civil: 44
  • Metalúrgicas, máquinas e equipamentos: 37
  • Alimentos: 33
  • Artefatos de madeira: 21
  • Confecções: 15
  • Papel e embalagens de papelão: 11
  • Plásticos: 05
  • Tintas, vernizes e solventes: 02
  • Outros: 31

Agricultura, pecuária e extração mineral[editar | editar código-fonte]

  • Reflorestamento: pinus e eucalipto
  • Criação animal: bovinos, suínos, caprinos e aves
  • Agricultura: milho, soja, feijão e fumo
  • Extração mineral: saibro e areia

Movimentação econômica[editar | editar código-fonte]

  • Produto Interno Bruto (PIB): 471.931 (2005)
  • Renda per capita: 10.849 (2005)
  • Arrecadação ICMS – Retorno: 10.354
  • Arrecadação Tributos Municipais: 3.992
  • Arrecadação Tributos Federais – Retorno: 5.692

História[editar | editar código-fonte]

Segundo o Historiador José Kormann por volta de 1872 vieram os primeiros civilizados a Rio Negrinho, já em 1873 os Franco,Gravi, de Oliveira e Carvalho tomaram posse de terras no município, eles que vieram de São José dos Pinhais. Em 1880 Instalaram-se em Rio Negrinho as famílias de José Brey com hospedaria e Luiz Scholtz com casa comercial e José Hantschel com sapataria. Em 1913 Foi inaugurada a Estação Ferroviária e em 1918 transferido para o que seria depois o centro de Rio Negrinho a móveis Cimo que naquele tempos ainda girava como Jung & Cia, que já funcionava desde 1914 em uma localidade próxima chamada Salto. A primeira escola foi inaugurada com a frequência de 25 alunos em 1920 sendo Roberto Hoffmann o professor de alemão e a professora Adelaide Ferreira da Costa a responsável pelas aulas de português. O cemitério teve sua primeira sepultura em 1924 com o sepultamento de Max Raschke porteiro da Cimo, em 1928 e inaugurada a igreja protestante e em 1948 a atual igreja matriz. O colégio São José e o seminário foram fundados em 1958 pelo padre Luiz Gonzaga Steiner.

História da data de fundação[editar | editar código-fonte]

Rio Negrinho tem sua comemoração pois foi no dia em que a cidade foi fundada.

Significado do nome[editar | editar código-fonte]

Rio Negrinho tem esse nome em homenagem ao rio que passa bem ao centro do município.

Fatos importantes[editar | editar código-fonte]

  • 24 de abril de 1880 data atribuída á fundação , através da Lei Municipal nº 7, de 15 de junho de 1971 em homenagem a Jorge Zipperer.
  • 1917 Criada a primeira escola pública no povoado de Rio negrinho.
  • 1914 É fundada a Jung & Cia, futura MóveisCimo
  • 1920 É instalada a primeira agência postal de Rio Negrinho.
  • 1924 Ocorre o primeiro sepultamento de Rio negrinho do senhor Max Raschke.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Distâncias[editar | editar código-fonte]

Acessos[editar | editar código-fonte]

Limites[editar | editar código-fonte]

Infraestrutura[editar | editar código-fonte]

Transporte

Possui sistema integrado de transporte municipal, com 1 terminal (Centro), operado pela empresa Transporte e Turismo Santo Antônio Ltda. - Transtusa.

Clima[editar | editar código-fonte]

  • Mesotérmico úmido, sem estação seca, ao norte verões quentes e ao sul verões frescos.

Temperatura[editar | editar código-fonte]

  • 16,7°C.

Hidrografia[editar | editar código-fonte]

TV[editar | editar código-fonte]


Referências

  1. Histórico de Rio Negrinho no site do IBGE
  2. a b Divisão Territorial do Brasil. Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  3. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial. Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  4. Censo Populacional 2013. Censo Populacional 2013. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2012). Página visitada em 11 de dezembro de 2012.
  5. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil. Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2010). Página visitada em 25 de agosto de 2013.
  6. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 11 dez. 2010.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Santa Catarina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.