Rio Sarapuí

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rio Sarapuí
Comprimento 36 km
Nascente Serra de Bangu
Altitude da nascente 900 m
Foz Rio Iguaçu
Área da bacia 650 km²
Delta Não
País(es)  Brasil

O Rio Sarapuí é um rio do estado do Rio de Janeiro, no Brasil. Já se chamou "Rio Santo Antônio". Os seus afluentes principais são os rios Socorro, Dona Eugênia e da Prata, as valas Bom Pastor, Jardim Gláucia, dos Teles, Bananal, Gaspar Ventura, os canais do Peri Peri e do Rocha e o Valão Coletor Jardim Gramacho. Juntamente com o Rio Iguaçu, forma a Bacia Hidrográfica do Iguaçu/Sarapuí.

Muitas enchentes são causadas pela impermebilidade do solo, junto com a redução do espaço para o fluxo de água (diminuição na vazão do rio), que aumentam o volume dos rio e sempre transborda.

Topônimo[editar | editar código-fonte]

"Sarapuí" é um termo derivado da língua tupi: significa "rio dos sarapós", através da junção dos termos sarapó (sarapó) e 'y (rio).[1]

Localização[editar | editar código-fonte]

Deságua no Rio Iguaçu, no município de Duque de Caxias, na região da Baixada Fluminense. Passa pelos municípios de Nilópolis, Duque de Caxias, Mesquita, Rio de Janeiro, São João de Meriti e Belford Roxo. No futuro, terá, às suas margens, a via expressa Transbaixada.

Referências

  1. NAVARRO, E. A. Dicionário de tupi antigo: a língua indígena clássica do Brasil. São Paulo. Global. 2013. p. 597.
Ícone de esboço Este artigo sobre Hidrografia do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.