Rio das Pedras (bairro do Rio de Janeiro)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Rio das Pedras é um bairro (Favela) não-oficial[1] , localizado na Zona Oeste da cidade, oficialmente dividida entre os bairros Itanhangá, Jacarepaguá e Anil. Faz parte oficialmente de Jacarepaguá. É considerado historicamente uma favela.

Geografia[editar | editar código-fonte]

O bairro abriga uma população crescente. É um bairro de classe baixa e classe média-baixa com muitas diferenças sociais, pode-se averiguar a diferença social existente no estado apenas dentro deste bairro, cruzando-a de um extremo ao outro, iniciando o trajeto a partir da entrada do condomínio Floresta Country Club, e caminhando para a Areinha, esta composta de ocupações irregulares de barracos, casas e prédios localizados em cima de aterros sobre a Lagoa do Camorim. É famoso também por sua Praça, onde se realizam esporadicamente eventos musicais.

Por ser oficialmente dividido entre três bairros, está na área de duas regiões administrativas: Jacarepaguá (XVI RA) e Barra da Tijuca (XXIV RA).

História[editar | editar código-fonte]

Uma das comunidades mais nordestinas do Rio de Janeiro em função da busca de emprego e de melhor qualidade de vida desde as décadas de 70 e 80 com o êxodo rural, assim ficou bastante conhecida pela força do comércio local, cuja economia gira em torno de 60% dentro da própria região.

Rio das Pedras foi também o berço das milícias, pois nos anos oitenta, comerciantes locais começaram a pagar policiais para expulsar traficantes da comunidade.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia do Rio de Janeiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.