Ritual (álbum)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde maio de 2014). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Ritual
Álbum de estúdio de Shaman
Lançamento 21 de junho de 2002
Gênero(s) Power metal, Folk metal
Duração 56:47
Gravadora(s) Universal Music
Produção Sascha Paeth
Opiniões da crítica

O parâmetro das opiniões da crítica não é mais utilizado. Por favor, mova todas as avaliações para uma secção própria no artigo. Veja como corrigir opiniões da crítica na caixa de informação.

Cronologia de Shaman
Último
Último
RituAlive
(2003)
Próximo
Próximo

Ritual é o primeiro álbum da banda de power metal brasileira Shaman. Foi produzido por Sascha Paeth (que já trabalhou com Virgo, Aina e ex-Heavens Gate). É um álbum conceitual que trata de diversas culturas, principalmente indígenas, com ênfase para a do xamanismo. Ritual traz influencia de world music e de rock progressivo, o que pode ser notado também pelo uso de instrumentos atípicos em um disco de heavy metal, tais como tambores celtas, gaita de fole, flauta barroca, entre outros. Fábio Ribeiro toca teclados na faixa "Blind Spell".

Canções[editar | editar código-fonte]

N.º Título Compositor(es) Duração
1. "Ancient Winds"   Matos 3:16
2. "Here I Am"   Matos 5:56
3. "Distant Thunder"   H. Mariutti 6:22
4. "For Tomorrow"   L. Mariutti 6:47
5. "Time Will Come"   Confessori 5:32
6. "Over Your Head"   L. Mariutti 6:37
7. "Fairy Tale"   Matos 6:56
8. "Blind Spell"   Confessori 4:34
9. "Ritual"   Matos 6:37
10. "Pride"   Matos 4:11

Todas as letras por Matos.

Formação[editar | editar código-fonte]

Convidados[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Shaman é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.