Roberto González

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Roberto González
Nome completo Roberto González
Nacionalidade    México Mexicano
Data de nascimento 31 de Março de 1976 (38 anos)
Registros na CART/Champ Car
Anos 2003-2004
Times 2 (Dale Coyne e PKV)
Campeonatos 0 (15º em 2004)
Pontos 139
Voltas mais rápidas 0
Primeira corrida Estados Unidos GP de St. Petersburg, 2003
Última corrida México GP da Cidade do México, 2004
GPs Poles Pódios Vitórias
16 0 0 0

Roberto González (Cidade do México, 31 de março de 1976) é um automobilista mexicano. Competiu pela antiga Champ Car entre 2003 e 2004.

Carreira[editar | editar código-fonte]

González teve passagem pela World Series by Renault (então, WS by Nissan) em 2002, antes de ingressar na Champ Car (então CART, que estava prestes a declarar falência no final de 2003).

Inicialmente seria contratado pela equipe Walker Racing, mas ele acabaria sendo preterido. Assinou contrato com a Dale Coyne Racing, mas também seria dispensado por insuficiência técnica. Voltaria no GP do México, novamente pela Dale Coyne. Encerrou a prova na décima colocação.

Para 2004, González foi contratado pela PKV Racing (hoje, KV Racing Technology) para toda a temporada de 2004 com o patrocínio do braço mexicano da Nextel. Não teve um bom desempenho, tendo como melhor resultado um sétimo lugar na etapa de Cleveland, encerrando a temporada na décima-quinta posição, com 136 pontos. Preterido para 2005, González, ciente de que não teria chance em outra equipe, deixou a Champ Car.

Voltou às manchetes em março de 2012, quando foi contratado pela RSR Racing para disputar as 24 Horas de Sebring, ao lado do brasileiro Bruno Junqueira e do veterano norte-americano Tomy Drissi, pilotando na classe LMPC.


Auto Racing Chequered.svg Este artigo sobre um(a) automobilista, integrado ao Projeto Automobilismo, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.