Roberto Guerrero

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta biografia de uma pessoa viva não cita as suas fontes ou referências, o que compromete sua credibilidade. (desde fevereiro de 2013)
Ajude a melhorar este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes fiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Roberto Guerrero
Informações pessoais
Nacionalidade Colômbia Colombiano
Registros na Fórmula 1
Temporadas 1982 - 1983
Equipes 2 (Ensign e Theodore)
GPs disputados 21
Títulos -
Vitórias -
Pódios -
Pontos -
Pole positions -
Voltas mais rápidas -
Primeiro GP Estados Unidos GP do Oeste dos Estados Unidos, Long Beach, 1982
Último GP União Europeia GP da Europa, Brands Hatch-Inglaterra, 1983

Roberto José Guerrero Isaza (Medellín, 16 de Novembro de 1958) é um ex-automobilista colombiano. Participou de 29 Grands Prix na Fórmula 1, entreando em 23 de janeiro de 1982.

Sem nenhum ponto conseguido na F1 e sem perspectiva de dirigir para uma grande equipe, Guerrero deixou, no final da temporada de 1983, a F1 para correr nos Estados Unidos da América. Ele teve um bom começo em sua carreira automobilística na Champ Car, obtendo um segundo lugar na Indianapolis 500 de 1984. Seu bom desempenho inicial, porém, não repetiu-se ao longo desta sua nova fase, venceu apenas duas corridas, todas em 1987. Mais tarde no mesmo ano, ele sofreu um grave acidente, que o deixou em coma por 17 dias. Suas melhores participações ocorreram na Indianapolis 500. Ele esteve muito perto de vencer em duas ocasiões, mas sempre a falta de sorte tirou-lhe as vitórias. Em 1992 ele rodou na volta de apresentação após ter-se qualificado na pole position. Guerrero foi duas vezes vice-campeão, esteve por cinco vezes entre os cinco melhores pilotos e manteve o recorde de velocidade na qualificação conseguido em 1992 até 1996. Guerrero foi também selecionado para participar da International Race of Champions de 1988.

Guerrero naturalizou-se cidadão estadunidense em 1989. Ele e sua mulher têm três filhos e moram em Orange County, Califórnia.

Atualmente Guerrero voltou ao automobilismo, mas em uma modalidade diferente. Começou participando de corridas off-road na lendária Baja 2000, continuou a correr na Baja 1000 e é guia de excursões na península Baja pela Wide Open Baja.