Rock de garagem

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rock de garagem
Origens estilísticas Início do Rock And Roll, Rockabilly, Beat, R&B, Soul, Blues, Surf Rock, Frat rock, Rock instrumental
Contexto cultural Fim dos anos 1950 nos Estados Unidos
e início do anos 1960 no Canadá
Instrumentos típicos Guitarra elétrica, Baixo, Bateria, Teclado, Pandeireta, Harmônica.
Popularidade meados da década de 1960 nos EUA e Canadá
Formas derivadas Formas de Punk rock - Garage Rock Revival - Power Pop - Glam rock - Indie Rock - Bubblegum pop - Rock Psicodélico - Protopunk - Hard Rock - Krautrock - String(Thai pop) - Wong shadow - Psychobilly - algumas Boy bands tem incorporado influências de Garage Rock na década de 2000.
Subgêneros
Acid rock, Garage Punk
Formas regionais
Chicago, Detroit, Grand Rapids, Los Angeles, Montreal, Portland, Seattle, Minneapolis, Texas

Rock de garagem é uma forma não trabalhada de rock and roll que ficou famosa primeiramente nos Estados Unidos da América e Canada entre 1963 e 1967.[1] O rock de garagem não foi reconhecido como um gênero de música independente, durante os anos 1960, e nem foi dado nenhum nome específico, nestes anos, para seu estilo. No início dos anos de 1970, alguns críticos do rock retroativamente batizaram-o de punk rock. Contudo, o estilo musical foi mais tarde atribuído o termo 'rock de garagem' ou punk dos anos 60, para evitar confusão com a música das bandas punks do fim da década de 1970, tais como Sex Pistols e The Clash.

Deve-se a origem do termo informal 'rock de garagem' as bandas dos adolescentes que muito desejavam seguir seus ídolos de rock mas que não podiam pagar as horas caras de ensaios musicais em estúdios profissionais, com seu alto custo de aluguel e, como alternativa, ensaiavam nas suas garagens de casa. Outro termo similar usado, às vezes, é backyard band (bandas de fundo de quintal)---as bandas que tocavam em festinhas caseiras.

História[editar | editar código-fonte]

O estilo foi caracterizado pelas gravações com baixo custo de produção, geralmente realizadas por adolescentes nas garagens de suas casas. A gravação de 1958 "Jenny Lee" de Jan and Arnie (que posteriormente tornou-se Jan and Dean), é considerada marco inicial do gênero.

O estilo evoluiu das cenas regionais dos Estados Unidos desde 1958 com artistas como The Wailers e Link Wray. No começo da década de 1960 o estilo passou a ganhar proporções nacionais daquele país, com bandas como The Kingsmen, Paul Revere and the Raiders, The Trashmen, The Rivieras, The Standells e Count Five. A Invasão Britânica dessa época também influenciou na modelagem do som do rock de garagem, além de incentivar a formação de novas bandas de rock. Os artistas britânicos mais referenciados eram aqueles com grandes bases no blues como The Kinks, The Animals, The Yardbirds, The Pretty Things e The Rolling Stones.Beatles eram considerados influência por todas as categorias de bandas da época, ainda que os puristas do rock de garagem os rebaixavam devido à grande diversidade do som da banda.

O estilo de garagem, que teve seu auge comercial em 1966, acabou decaindo em popularidade até sua extinção em 1970. Na década de 1970 o estilo foi revigorado sobre nova roupagem, o punk rock. Inclusive o termo era utilizado originalmente para identificar exclusivamente o rock de garagem, que ganhou esse novo termo para que as bandas da década de 1960 não fossem confundidas ou misturadas com a nova geração de bandas tais como Sex Pistols.

Nos anos 1980 várias bandas revitalizaram o rock de garagem, como o The Fuzztones. Um dos grandes símbolos dessa década são os temas, geralmente sobre terror ou sobre as guitarras fuzz, que destruíam o som da guitarra. Durante a década de 2000 outras diversas bandas revitalizaram o estilo, como The Horrors, Eagles of Death Metal e The Strokes.

Referências[editar | editar código-fonte]

Notas
Bibliografia
  • Michael Hicks. Sixties Rock: Garage, Psychedelic, and Other Satisfactions. [S.l.]: University of Illinois Press, 2000. 9780252069154
  • Alessandro Bonini, Emanuele Tamagnini. Garage rock: la prima e più completa guida sul genere che ha segnato gli anni '60, con tutte le copertine degli álbum che hanno fatto epoca, i dischi consigliati .... [S.l.]: Gremese Editore, 2005. 9788884403629

Ver também[editar | editar código-fonte]

Portal A Wikipédia possui o
Portal do Rock.


Ícone de esboço Este artigo sobre Rock é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.