Ronald Giere

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto.
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Ronald Giere é um filósofo da ciência, americano, professor emérito de filosofia na University of Minnesota. É sócio da AAAS, membro de longa data do conselho editorial do periódico 'Philosophy of Science', e Ex-Presidente da 'Philosophy of Science Association'. Sua pesquisa atual concentra-se em abordagens sobre modelos baseados em agentes da representação científica, e nas ligações entre o naturalismo e o secularismo.

Em seu livro 'Scientific Perspectivism', Giere desenvolve uma versão de realismo perspectivo no qual argumenta que as descrições científicas são como as cores, na medida em que captura apenas os aspectos selecionados da realidade, e esses aspectos não são pedaços do mundo visto como são, em si, mas os pedaços do mundo visto de uma perspectiva humana distinta. Além do exemplo da cor, Giere articula seu perspectivismo recorrendo a mapas e ao seu próprio trabalho anterior sobre modelos científicos. Mapas representam o mundo, mas as representações que fornecem são convenções, influenciados por interesses, e nunca inteiramente corretos ou completos. Da mesma forma, os modelos científicos são estruturas idealizadas que representam o mundo a partir de pontos de vista específicos e limitados. De acordo com Giere, o que vale para as cores, mapas e modelos também valem em geral: a ciência está sempre em perspectiva 1

Publicações[editar | editar código-fonte]

Além de muitos artigos em filosofia da ciência, ele é o autor de:

  • Understanding Scientific Reasoning (5th ed 2006);
  • Explaining Science: A Cognitive Approach (1988)
  • Science Without Laws (1999)
  • Scientific Perspectivism University of Chicago Press, Chicago, 2006. ISBN 9780226292120

Ele também editou vários volumes de artigos em filosofia da ciência, inclusive, mais recentemente,Cognitive Models of Science(1992) e Origins of Logical Empiricism (1996).

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

  1. Review of Scientific Perspectivism in Science 11 May 2007: Vol. 316. no. 5826, p. 834 DOI: 10.1126/science.1141366

Ligações externas[editar | editar código-fonte]