Rotary

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Merge-arrows 2.svg
Foi proposta a fusão deste artigo ou se(c)ção com Rotary International. Pode-se discutir o procedimento aqui. (desde novembro de 2010)
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa (desde janeiro de 2013). Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.
Inscrição do Rotary em Niterói.

Rotary Club é um clube de serviço presente em todo o mundo e fundado nos Estados Unidos. O Rotary é ao mesmo tempo uma organização internacional voltada para compreensão e concórdia universal, um movimento de estímulo a uma ação profissional e comunitária ética é responsável e, principalmente, milhares de clubes que reúnem pessoas e famílias com certas afinidades e que compartilham momentos de companheirismo e de trabalho comunitário.

Como o Rotary abriga mais de um milhão de indivíduos em quase duzentos países e regiões administrativas, não é possível dar-lhe uma definição exata que represente a visão de todos os clubes e de todos os rotarianos. Este artigo procura descrever a prática média do rotarianismo no Brasil, onde está a maior parte dos rotarianos lusófonos. Artigos em outros idiomas poderão apresentar visões diferentes.

Objetivos de Rotary[editar | editar código-fonte]

O objetivo do Rotary é estimular e fomentar o ideal de servir como base de todo o empreendimento digno, promovendo e apoiando:

  1. o desenvolvimento do companheirismo como elemento capaz de proporcionar oportunidades de servir;
  2. o reconhecimento do mérito de toda ocupação útil e a difusão das normas de ética profissional;
  3. a melhoria da comunidade pela conduta exemplar de cada um na sua vida pública e privada, e
  4. a aproximação dos profissionais de todo o Mundo, visando a consolidação das boas relações, da cooperação e da paz entre as nações.

O rotarianismo na comunidade e no mundo[editar | editar código-fonte]

O Rotary funciona em três níveis distintos, interligados e iguamente importantes: clube (Rotary Club), distrito e Rotary International (RI).

No nível do clube realizam-se atividades familiares, planejamento e arrecadação de fundos e implantação de projetos sociais (chamados pelo anglicismo humanitário) na cidade.

Os clubes são reunidos em distritos, distribuídos geograficamente de modo a reunir cerca de 1000 rotarianos cada. No Brasil há 38 distritos e em Portugal 2. Cada distrito é administrado por um governador distrital com mandato de um ano. A função do governador é estimular a convivência e o trabalho dos clubes. Os distritos promovem encontros anuais para treinamento, reciclagem de informações e congraçamento social.

O conjunto dos mais de 500 distritos rotários em todo o mundo forma o Rotary International, entidade coordenadora e normatizadora dos clubes. O RI é responsável pelos mecanismos que permitem, entre outras atividades, o combate à poliomielite e os programas de intercâmbio de estudantes.

Rotary Club[editar | editar código-fonte]

O primeiro Rotary Club foi fundado em Chicago, EUA, em 1905, pelo advogado Paul Percy Harris e mais três amigos, Sylvester Schiele, Hiram Shorey e Gustavus Loehr, com o objetivo de reunir comerciantes, profissionais liberais e outros businessmen em um clube onde os relacionamentos profissionais pudessem ser transformados em amizades pessoais. O nome Rotary, que em inglês significa "em rodízio", surgiu do fato de que, no início, as reuniões semanais eram realizadas no local de trabalho de um associado diferente a cada semana.

Hoje existem 34.161 clubes rotários em todo o mundo¹. Destes, 2.319 estão no Brasil e cerca de 200 em Portugal. O número de associados dos clubes varia muito. Nas capitais alguns têm mais de 200 membros, enquanto o número mínimo recomendado é de 20 associados por Rotary Club. (A média brasileira é de aproximadamente 22 membros por clube.)

Todos os clubes são necessariamente filiados ao Rotary International (RI), uma associação federativa com poder normatizador. Note que a associação ao RI é do clube e não de seus associados. Não há hierarquia entre os clubes, todos tendo os mesmos direitos e obrigações. Geralmente, um clube é formado a partir dos esforços de outro, que se torna seu "clube padrinho" pois "apresenta" este novo clube para inclusão no RI.

Como em uma grande família, todos os clubes são semelhantes e todos são únicos. Em geral, as reuniões acontecem no jantar ou no almoço, mas há clubes que se reúnem no café-da-manhã. Há um roteiro padrão para as reuniões mas cada clube o realiza de forma um pouco diferente. Há clubes onde predomina a convivência social e o companheirismo e outros onde a atividade principal é a realização de projetos de promoção social. Como a admissão é feita por convite, os clubes costumam adquirir uma personalidade que reflete as afinidades de seus membros. _____________

¹ Dados atualizado em 2012, para mais informações acesse: http://www.rotary.org.br/info_ri.php?secao=ri2

O rotariano[editar | editar código-fonte]

A maioria dos rotarianos no Brasil tende a ser homem, acima de 35 anos, casado, pai, profissional liberal, comerciante ou professor e, embora discussões ou discriminações religiosas ou políticas não sejam permitidas nos clubes, católico e de centro. No seu convívio no clube, sua família tem papel importante e é comum que os filhos participem dos clubes para jovens (Rotaract, Interact e Rotakids) e, mais cedo ou mais tarde, sejam admitidos no clube de seus pais ou em outro.

Mas como a força do Rotary é justamente a diversidade, encontramos muitos clubes e muitos rotarianos fora da média acima descrita. Cerca de 12% dos sócios de Rotary Clubs são mulheres e vários clubes tem média de idade abaixo dos 35 anos. Nem todos os rotarianos e rotarianas são casados e várias profissões estão representadas em seus quadros. Acima de tudo, o rotariano é uma pessoa que compreende a necessidade de partilhar seus recursos para a realização de boas ações. Por tal motivo, em inglês, dois rotarianos tratam-se por fellow, palavra que descende do norueguês arcaico felaga, a qual significa pessoas que colocam seus recursos em uma empreitada comum, enquanto que no Brasil usa-se o termo "companheiro".

Rotarios famosos[editar | editar código-fonte]

Exigências, procedimentos e custos de ingresso em um Rotary Club[editar | editar código-fonte]

A entrada em um Rotary Club geralmente é feita através de convite feito por um sócio com a aprovação do clube e-ou conselho diretor. As exigências de ingresso em um clube são de caráter moral e profissional. O proposto deve ter reputação ilibada e pertencer a uma profissão legal ou socialmente reconhecida. É recomendado pelo RI (Rotary International) que haja diversidade na classifição rotária, não passando de 10% do Quadro Social para uma mesma classificação, assim sendo um clube misto de profissões.

É possível, e mesmo relativamente fácil, a criação de um novo Rotary Club, onde pessoas com afinidades comuns podem reunir-se em um ambiente que será ditado por tais afinidades. Assim, este grupo poderá participar do conjunto das atividades do RI sem abrir mão de sua maneira particular de dirigir sua agremiação específica. Porém é recomendado pelo RI um club misto entre homens e mulheres.

O custo direto de participação em um Rotary Club no Brasil são taxas de Rotary, que equivale em torno de R$ 100,00, podendo variar para mais ou para menos, de acordo com custos e valores de cada Rotary Club.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Manual de procedimento - www.rotary.org/RIdocuments/pt_pdf/035pt.pdf

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Rotary

Ligações externas[editar | editar código-fonte]