São Sebastião do Uatumã

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de São Sebastião do Uatumã
Bandeira de São Sebastião do Uatumã
Brasão de São Sebastião do Uatumã
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 10 de Dezembro
Fundação 10 de Dezembro de 1981
Gentílico uatumaense
Prefeito(a) Adalberto Silveira Leite (PSD)
(2013–2016)
Localização
Localização de São Sebastião do Uatumã
Localização de São Sebastião do Uatumã no Amazonas
São Sebastião do Uatumã está localizado em: Brasil
São Sebastião do Uatumã
Localização de São Sebastião do Uatumã no Brasil
02° 34' 20" S 57° 52' 20" O02° 34' 20" S 57° 52' 20" O
Unidade federativa  Amazonas
Mesorregião Centro Amazonense IBGE/2008 [1]
Microrregião Parintins IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Urucará,Itapiranga, Silves, Presidente Figueiredo
Distância até a capital 247 km
Características geográficas
Área 10 741,039 km² [2]
População 12 115 hab. IBGE/2013[3]
Densidade 1,13 hab./km²
Clima Tropical chuvoso e úmido
Fuso horário UTC-4
Indicadores
IDH-M 0,577 baixo PNUD/2010 [4]
PIB R$ 30 013,715 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 3 305,84 IBGE/2008[5]
Página oficial

São Sebastião do Uatumã é um município brasileiro do estado do Amazonas.

História[editar | editar código-fonte]

O município tem suas origens ligadas à povoação de Santana da Capela, em 1814, por Crispim Lobo de Macedo. Em 1880, foi criada a freguesia, com sede em Santana da Capela. Em 1887, foi criado na área de freguesia o município de Urucará, que em 1930, é extinto, com seu território sendo anexado a Itacoatiara, para ser definitivamente restabelecido em 1935. Em fins de 1981, constavam da estrutura administrativa de Urucará os seguintes subdistritos: Urucará, Santa Maria, Capucapu, Alto Uatumã e São Sebastião. Em 10.12.1981, pela Emenda Constitucional nº 12, São Sebastião e territórios adjacentes da margem esquerda do rio Uatumã são desmembrados de Urucará e passam a constituir o município autônomo de São Sebastião do Uatumã.

Economia[editar | editar código-fonte]

A produção agropecuária em São Sebastião do Uatumã é baseada no cultivo de mandioca, e de forma menos expressiva, do guaraná. A pecuária é representada principalmente por bovinos e suínos, com produção de carne e de leite destinada somente ao consumo local. A atividade pesqueira é predominantemente destinada ao consumo da população local, chegando algumas vezes a abastecer também os municípios vizinhos. A extração vegetal é voltada para a exploração do tucumã, os quais são exportados para os municípios vizinhos e capital do estado.

As indústrias também contribuem para a economia no município. Os estaleiros, serrarias, marcenarias, carpintaria e padaria são as indústrias predominantes. As marcenarias, juntamente com os estaleiros, são localizados no polo moveleiro, afastados do centro urbano, onde são desenvolvidos trabalhos artesanais e industriais, feito com madeira, de criação de mobiliário e determinados objetos de decoração interiores.

O comércios varejista e atacadista também movimenta a economia local.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Sua população em 2010, segundo o Censo Demográfico 2010 é: 10.688.

Eventos culturais[editar | editar código-fonte]

O calendário cultural do município apresenta como maiores destaques:

  • Festa do padroeiro São Sebastião, de 10 a 20 de janeiro;
  • Festa do Carnaval, em fevereiro;
  • Festa do Tucunaré, geralmente na segunda quinzena de outubro, que é realizada na praia em frente a cidade e tem como principais atrações a pesca esportiva, o desfile da Garota Tucunaré e atrações musicais com bandas do próprio município, dos municípios vizinhos e atrações nacionais;
  • Festa de aniversário do Município, no dia 10 de dezembro, com diversas atrações e gincanas;
  • Outros festejos de grande importância para a população local são arraiais em alguns bairros e, na Semana da Pátria, existem gincanas que envolvem a o corpo discente da cidade.
  • Festival de quadrilhas: Acontece sempre no mês de agosto e é organizado por grupos folclóricos com 40 brincantes que utilizam-se de coreografias e alegorias em suas apresentações. Os principais grupos folclóricos são: "Rochedo na Roça", "Gaviões da Roça" e "Franciscanos na Roça".

Educação[editar | editar código-fonte]

A Secretaria de Estado da Educação e Qualidade do Ensino (SEDUC) mantém na sede do município cinco estabelecimentos, ministrando ensino médio e fundamental:

  • Centro Educacional 27 de Julho, Rua Dr. Álvaro Maia n° 253 - Centro
  • Escola Estadual São Sebastião, Rua Dr. Álvaro Maia s/n° - Centro
  • Escola Estadual Fernando Ramos de Miranda, Rua Eurípedes Batista, s/n - Santo Antonio
  • Escola Estadual Deputado Armando Mendes, Vila de Santana do Uatumã - Zona Rural
  • Escola Estadual Santana, Vila de Santana - Zona Rural.

Além das escolas, funciona também no município o Setor Pessoal, oferecendo apoio administrativo para os funcionários da SEDUC no local.

Também funciona no município a Universidade do Estado do Amazonas (UEA), a qual já formou três (03) turmas no Curso Normal Superior. Atualmente existem turmas nos cursos de Tecnólogo em Gestão Ambiental, Pedagogia Indígena e Licenciatura Plena em Matemática.

Recentemente foi implantado o Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (CETAM), com cursos técnicos de informática e enfermagem, além de informática básica e avançada.

Esporte[editar | editar código-fonte]

O esporte é a principal atividade dos jovens uatumaenses, existem vários atletas que se destacam em diferentes competições a nível local, estadual e brasileiro. Nos últimos dois anos, o município de São Sebastião do Uatumã conseguiu boas colocações nos Jogos Escolares do Amazonas - JEA'S. O Campeontato Uatumaense acontece todo ano, com a participação de oito equipes, divididas em dois grupos. Na primeira fase (1º Turno), denominado "Taça Uatumã", as equipes se enfrentam dentro dos grupos, classificando as duas melhores de cada grupo. Essas equipes fazem uma semifinal cruzando-se os grupos, da qual saem as finalistas do 1º Turno, da qual a equipe campeã garante vaga na final do certame. A segunda fase (2º Turno), denominado "Taça Cidade de São Sebastião", as equipes enfrentam adversários do grupo oposto, e a classificação segue o mesmo critério do 1º turno. Porém se a mesma equipe consagrar-se campeã dos dois turno será declarada campeã da competição, dispensando o jogo final. Equipes participantes do Campeonato e de maior expressão:

  • Associação Atlética São Sebastião (vermelho e branco);
  • Boca Junior's (azul e amarelo)
  • Uatumã Esporte Clube (laranja)
  • Esporte Clube São Francisco (azul e branco)
  • Grêmio Uatumaense (azul, preto e branco)
  • Internacional Uatumense (vermelho e branco)
  • Nobre (verde e branco)
  • Santana (preto e branco)

As equipes maiores detentoras de títulos nos últimos anos são:

  • Associação Atlética São Sebastião com seis conquistas municipais (1998, 1999, 2000, 2001, 2004 e 2008), Campeão da Copa dos Campeões de Municípios (2011);
  • Grêmio Uatumaense com três conquistas municipais (2003, 2006 e 2009);
  • Uatumã Esporte Clube com um título municipal (2010).
  • Boca Junior's com um título municipal (2011).

Nos anos de 2002, 2005, 2007 e 2012 não houve campeonatos.

Existe também o campeonato de 2ª divisão e o Campeonato feminino.

Alguns atletas do município já saíram para fazer testes em grandes equipes do futebol brasileiro como Flamengo e Goiás, mas até o momento não foram aprovados em nenhuma tentativa.

Também funciona no município um Projeto denominado "PROJETO CRESCER", de uma Igreja Evangélica (Igreja de Cristo) e tem apoio de ex-atletas do futebol brasileiro como Evair e outros, de onde sempre são levados para Goiânia para fazerem testes em equipes profissionais.

A Seleção Uatumaense está em fase de modificação, estão sendo inseridos atletas novos e com vigor físico para em breve disputarem a Copa dos Rios e torneios estaduais.

Saúde[editar | editar código-fonte]

A Secretaria de Estado da Saúde (SUSAM), mantém na sede do município, um Hospital (Hospital Rosa Fabiano Falabella), destinado a prestar atendimento de pronto-socorro, maternidade, atendimento cirúrgico, odontológico e hospitalar para a população da Sede e da Zona Rural.

Segurança[editar | editar código-fonte]

A Polícia Militar mantém um efetivo de um Sargento e cinco soldados destinados à manutenção da ordem e segurança pública. A Polícia Civil também está presente com um Delegado e um Investigador.

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  3. Estimativa Populacional 2013 (PDF) Censo Populacional 2013. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1º de julho de 2013). Página visitada em 29 de agosto de 2012.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2010). Página visitada em 09 de setembro de 2013.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 11 dez. 2010.
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Amazonas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.