Síndrome de Charles Bonnet

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A síndrome de Charles Bonnet é uma doença que faz com que pacientes com pouca visão tenham alucinações visuais. Essa doença foi descrita por Charles Bonnet em 1769.Essas visões podem durar minutos, ou até horas. Geralmente são nítidas, coloridas, silenciosas e complexas, desaparecendo abrupdamente. .[1] [2] e foi introduzida na Psiquiatria de língua Inglesa em 1982.[3]

As alucinações dos pacientes podem ter características Simples ou Complexas.

As Simples não formam imagens nítidas ou são visões elementares, como figuras geométricas, cores e luzes.

As complexas são alucinações visuais claras que podem formar imagens de animais, pessoas e objetos conhecidos pelo paciente ou não.

Geralmente as pessoas que sofrem da Síndrome, no início, podem pensar que estão com algum distúrbio mental. As imagens vistas pelo paciente nem sempre condizem com a realidade, e podem ocorrer distorções como visões com animais deformados ou pessoas que se desintegram.

Referências

  1. de Morsier G (1967). ' "Le syndrome de Charles Bonnet: hallucinations visuelles des vieillards sans deficience mentale" (in French). Ann Med Psychol 125:677-701.
  2. Vukicevic M, Fitzmaurice K (2008) "Butterflies and black lacy patterns: the prevalence and characteristics of Charles Bonnet hallucinations in an Australian population". Clinical and Experimental Ophthalmology. 36:659-65
  3. Berrios G E and Brook P (1982) The Charles Bonnet Syndrome and the Problems of Visual Perceptual Disorder in the Elderly. Age and Ageing 11: 17-23
Ícone de esboço Este artigo sobre doenças é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.