S/2000 J 11

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

S/2000 J 11 foi[1] um objeto considerado o segundo satélite mais externo prógrado de Júpiter. Foi descoberto em 2000 por um grupo de astrônomos da Universidade do Havaí liderado por Scott S. Sheppard.[2] [3]

S/2000 J 11 não foi redescoberto e não é mais considerado um candidato a satélite.[1] Uma teoria é que ele colidiu com Himalia, criando um fraco anel ao redor de Júpiter.[4]

O satélite foi inicialmente incluído no grupo Himalia,[5] mas seus parâmetros orbitais nunca foram calculados com precisão.

Acreditava-se que S/2000 J 11 tinha 4 km de diâmetro, e orbitava Júpiter a uma distância média de 12,555 milhões de km em 287 dias, com uma inclinação de 28° com o equador de Júpiter, e uma excentricidade de 0,248.[6]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b IAUC 7555, January 2001. FAQ: Why don't you have Jovian satellite S/2000 J11 in your system? JPL Solar System Dynamics. Página visitada em 13/02/2011.
  2. IAUC 7555: Satellites of Jupiter 5 de janeiro de 2001 (descoberta)
  3. MPEC 2001-A29: S/2000 J 7, S/2000 J 8, S/2000 J 9, S/2000 J 10, S/2000 J 11 15 de janeiro de 2011 (descoberta e efemérides)
  4. "Lunar marriage may have given Jupiter a ring", New Scientist, 20 de março de 2010, p. 16.
  5. Sheppard, S. S.; Jewitt, D. C.; An abundant population of small irregular satellites around Jupiter, Nature, 423 (maio de 2003), pp. 261-263
  6. Sheppard, S. S.; Jewitt, D. C.; Porco, C.; Jupiter's outer satellites and Trojans, in Jupiter: The planet, satellites and magnetosphere, edited by Fran Bagenal, Timothy E. Dowling, William B. McKinnon, Cambridge Planetary Science, Vol. 1, Cambridge, UK: Cambridge University Press, ISBN 0-521-81808-7, 2004, pp. 263-280


Ícone de esboço Este artigo sobre um satélite natural é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.