SES World Skies

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou secção está a ser traduzido (desde julho de 2013). Ajude e colabore com a tradução.

SES World Skies — anteriormente: SES New Skies, New Skies Satellites (NSS), e SES Americom — é uma operadora de satélites de telecomunicações holandesa, empresa do grupo SES.

Em 30 de Novembro de 1998, vários antigos satélites Intelsat foram transferidos para o controle da New Skies, que operou vários satélites fornecendo cobertura global. Um sexto satélite, o NSS-8, era previsto para entrar em serviço comercial no início de 2007, mas foi destruído por uma explosão do veículo lançador, um Zenit-3SL em 30 de Janeiro de 2007.

Em Dezembro de 2005, foi anunciado que a SES Global iria comprar 100% da companhia;[1] essa fusão foi completada em Março de 2006. Em Setembro de 2006, o nome foi trocado de "New Skies Satellites" para "SES NEW SKIES". Em Julho de 2008, a SES anunciou a fusão dos seus dois grupos internacionais, a "SES AMERICOM" e a "SES NEW SKIES" num novo segmento, tendo como presidente e CEO, Rob Bednarek da SES NEW SKIES.[2] O novo segmento, foi rebatizado como "SES WORLD SKIES" em 7 de Setembro de 2009.[3]

Satélites[editar | editar código-fonte]

Frota AMC[editar | editar código-fonte]

Satélite Fabricante Data do lançamento Veiculo de lançamento Posição orbital Nota
Ativo:
AMC-1 Lockheed Martin 08 de setembro de 1996 Atlas 2A 103° W Anteriormente conhecido por GE-1
AMC-2 Lockheed Martin 31 de janeiro de 1997 Ariane 44L 81° W Anteriormente conhecido por GE-2
AMC-3 Lockheed Martin 04 de setembro de 1997 Atlas 2AS 67° W Anteriormente conhecido por GE-3
AMC-4 Lockheed Martin 13 de novembro de 1999 Ariane 44L 67° W Anteriormente conhecido por GE-4
AMC-5 Dornier Satellitensysteme
Aerospatiale
28 de outubro de 1998 Ariane 44L 81° W Anteriormente conhecido por GE-5
AMC-6 Lockheed Martin 21 de outubro de 2000 Proton-K/Blok-DM-3 72° W Também conhecido por GE-6 e Rainbow 2
AMC-7 Lockheed Martin 14 de setembro de 2000 Ariane 5G 72° W Anteriormente conhecido por GE-7
AMC-8 Lockheed Martin 19 de dezembro de 2000 Ariane 5G 139° W Também conhecido por GE-8 e Aurora 3
AMC-9 Alcatel Space 06 de junho de 2003 Proton-K/Briz-M 83° W Anteriormente conhecido por GE-12
AMC-10 Lockheed Martin 05 de fevereiro de 2004 Atlas 2AS 135° W Anteriormente conhecido por GE-10
AMC-11 Lockheed Martin 19 de maio de 2004 Atlas 2AS 131° W Anteriormente conhecido por GE-11
AMC-15 Lockheed Martin 14 de outubro de 2004 Proton-M/Briz-M 105° W
AMC-16 Lockheed Martin 17 de dezembro de 2004 Atlas-5 85° W
AMC-18 Lockheed Martin 08 de dezembro de 2006 Ariane 5 ECA 105° W Anteriormente conhecido por GE-11
AMC-21 Alcatel Alenia Space
Orbital Sciences Corporation
14 de agosto de 2008 Ariane 5 ECA 125° W
Fracassou:
AMC-14 Lockheed Martin 14 de março de 2008 Proton-M/Briz-M 61.5° W (planejado) Anteriormente conhecido por GE-14. Falhou parcialmente; Após uma falha do veículo lançador, o satélite foi colocado em uma órbita intermediária e só conseguiu alcançar a órbita geoestacionária no final de janeiro de 2009. O satélite foi adquirido pelo Departamento de Defesa dos Estados Unidos e está ativo em uma órbita altamente inclinada e é operado com a designação USAT-S1
Retirado:
Satcom C3 GE AstroSpace 10 de setembro de.1992 Ariane 4LP 79° W Inativo desde outubro de 2010

Frota NSS[editar | editar código-fonte]

Satélite Fabricante Data do lançamento Veiculo de lançamento Posição orbital Nota
Ativo:
NSS-5 Lockheed Martin 23 de setembro de 1997 Ariane 42L 50° E Anteriormente conhecido por Intelsat 803 e NSS-803
NSS-6 Lockheed Martin 17 de dezembro de 2002 Ariane 44L 95° E
NSS-7 Lockheed Martin 16 de abril de 2002 Ariane 44L 20° W
NSS-9 Orbital Sciences Corporation 12 de fevereiro de 2009 Ariane 5 ECA 177° W
NSS-10 Alcatel Space 03 de fevereiro de 2005 Proton-M/Briz-M 37.5° W Anteriormente denominado de Worldsat 2, GE-1i e AMC-12. Também conhecido por Astra 4A e Star One C12
NSS-11 Lockheed Martin 01 de outubro de 2000 Proton-K/Blok-DM-3 108° E Também conhecido por GE-1A, AAP-1 e Worldsat 1
NSS-12 Space Systems/Loral 29 de outubro de 2009 Ariane 5 ECA 57° E
NSS-703 Space Systems/Loral 06 de outubro de 1994 Atlas 2AS 47° W Anteriormente conhecido por Intelsat 513
NSS-806 Lockheed Martin 28 de fevereiro de 1998 Atlas 2AS 47.5° W Anteriormente conhecido por Intelsat 806
Fracassou:
NSS-8 Boeing 30 de janeiro de 2007 Zenit-3SL 57° E (planejado) O satélite foi perdido em uma falha no lançamento, quando o veículo lançador Zenit-3SL explodiu na decolagem.
Retirado:
NSS-K RCA Astro 10 de julho de 1992 Atlas 2A 21,5° W Inativo desde agosto de 2002. Inicialmente o mesmo era para ter sido lançado sob o nome Satcom K4, mas o lançamento do satélite foi cancelado. O mesmo foi lançado posteriormente pela Intelsat com o nome de Intelsat K. O satélite foi vendido para a New Skies e renomeado para NSS-K.
NSS-513 Ford Aerospace 17 de maio de 1988 Ariane 2 177° W Inativo desde julho de 2003. Anteriormente conhecido por Intelsat VA 13 e Intelsat 513

Frota SES[editar | editar código-fonte]

Satélite Fabricante Data do lançamento Veiculo de lançamento Posição orbital Nota
Ativo:
SES-1 Orbital Sciences Corporation 24 de abril de 2010 Proton-M/Briz-M 101° W Anteriormente conhecido por AMC-4R, AMC-1R e AMC-5RR
SES-2 Orbital Sciences Corporation 21 de setembro de 2011 Ariane 5 ECA 87° W Ex-AMC-5R
SES-3 Orbital Sciences Corporation 15 de julho de 2011 Proton-M/Briz-M 103° W Ex-AMC ground spare
SES-4 Space Systems/Loral 14 de fevereiro de 2012 Proton-M/Briz-M 22° W Ex-NSS-14
SES-5 Space Systems/Loral 09 de julho de 2012 Proton-M/Briz-M 5° E Ex-Sirius 5. Também conhecido por Astra 4B
SES-6 EADS Astrium 03 de junho de 2013 Proton-M/Briz-M 40.5° W
SES-7 Boeing Satellite Systems 16 de maio de 2009 Proton-M/Briz-M 108° E Ex-Galaxy 8iR. Também conhecido por Indostar 2, ProtoStar 2 e Cakrawarta 2
SES-8 Orbital Sciences Corporation 03 de dezembro de 2013 Falcon-9 v1.1 95° E
Planejado:
SES-9 Boeing Satellite Systems Previsto para 2015 Falcon-9 v1.1 108° E Em construção
SES-10 Airbus Defence and Space Previsto para 2016 Falcon-9 v1.1 67° W Em construção
SES-12 Airbus Defence and Space Previsto para 2017 Em construção[4]

Referências

  1. SES GLOBAL to acquire New Skies Satellites SpaceRef Interactive Inc. (14/12/2005). Página visitada em 23/07/2013.
  2. SES To Create New Segment Encompassing Two Of Its Satellite Operating Entities Thomson Reuters (10/07/2008). Página visitada em 23/07/2013.
  3. SES AMERICOM-NEW SKIES Satellite Division Re-brands As SES WORLD SKIES Thomson Reuters (07/09/2009). Página visitada em 23/07/2013.
  4. SES 12 (em inglês) Gunter's Space Page. Página visitada em 24 de agosto de 2014.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.