Salaryman

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Salaryman (サラリーマン, sarariman, "homem assalariado"?) é o termo pelo qual os japoneses designam os executivos de baixo escalão numa empresa. Refere-se a uma pessoa cujo rendimento é o salário base, particularmente aquelas que trabalham na ordem de corporações. O termo foi-se tornando progressivamente aceito em países de língua inglesa como um substantivo para um profissional assalariado japonês que executa tarefas semi-profissionais, colarinho branco. A palavra pode ser encontrada em vários livros e artigos referentes à cultura japonesa. Logo após a Segunda Guerra Mundial, tornar-se um salaryman era visto como uma porta de entrada para um estilo de vida estável da classe média. No uso moderno, o termo carrega conotações a profissionais que executam longas horas de trabalho, ao baixo prestígio na hierarquia corporativa, ausência de significativas fontes de rendimento para além do salário, e ao karōshi — "morte por excesso de trabalho".[1] O termo salaryman refere-se exclusivamente aos homens, para as mulheres é usado o termo career woman ou, para os trabalhos de baixo prestígio social, office lady.[2] [3]

Notas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Vogel, E: Japan's New Middle Class, 2nd ed. University of California Press, 1963. Página 5.
  2. Masatsugu, Mitsuyuki. The Modern Samurai Society. New York: American Management Association, 1982. 137 pp. ISBN 0-8144-5730-4
  3. Imamura, Anne; Allison, Anne; Awaya, Nobuko; Lee Bernstein, Gail. In: Anne. Re-imaging Japanese Women. Berkeley: University of California Press, 1996. 194 pp. ISBN 0-520-20263-5

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Salaryman


Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.